Portugal é Ingovernável sem direitos sociais

«Portugal, desde o século XIX, “foi sempre ingovernável sem direitos sociais” (…) a estabilidade política dos anos 1980 e 1990 foram, do ponto de vista histórico, “uma anormalidade”.

«Tivemos mais de 40 governos durante a Monarquia Constitucional, 16 durante a República e tivemos seis governos durante a Revolução, dez nos dez anos seguintes. Portugal só foi estável, só foi um país de brandos costumes quando, de facto, se ofereceram direitos às pessoas e alguma estabilidade e alguma qualidade de vida»

«Há 15 a 20 anos de grande estabilidade em Portugal. Estabilidade política que é uma anormalidade em Portugal do ponto de vista histórico. Isto só aconteceu durante os anos 1980 e 1990 e durante a ditadura do Estado Novo, que não conta porque a estabilidade social é conseguida pela polícia política (…) Está por provar que uma sociedade que não tem nada a oferecer às pessoas, que tem 1 milhão e 300 mil desempregados, que tem parte da força de trabalho sem direitos ou com trabalho precário possa ser estável. Nunca o foi no passado. Portugal, no passado, para ser estável, as pessoas tiveram de ter reformas».

Notícia completa aqui

 

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

1 Response to Portugal é Ingovernável sem direitos sociais

  1. Rafael Ortega diz:

    Portugal é ingovernável de qualquer das formas. Já o diziam os romanos há mais de 2000 anos.

Os comentários estão fechados.