Garcia Leandro, o General do Medo, levado às redes por uma professora precária.

Sff comparecer, senhor General. Se vier à paisana veja lá se não faz nenhuma destas figuras. Obrigado.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

6 respostas a Garcia Leandro, o General do Medo, levado às redes por uma professora precária.

  1. Graza diz:

    Vivá Sofiiiiia!

  2. Bolota diz:

    Vi em directo e uma pergunta ficou por fazer a Garcia Leandro e a Figueiredo Lopes, mais a este. Em quantas reformas está sentado e somadas quanto valem.

  3. D.,H diz:

    Paternalista e conformista, este general G. Leandro é um reaccionário com todas as letras. No tempo da brigada do reumático, havia muitos assim…
    Que lata, ninguém poderia substituir a contento o Dr. Seguro ou o Dr. Passos, ambos seriíssimos!
    A professora esteve muito bem, até nos apelos que fez. É preciso não adormecer com a conversa dos “generais de pantufas”. A vida é hoje!

  4. Caxineiro diz:

    Acho piada quando o general como bom reaça diz mal dos políticos….
    E ninguem lhe fez a pergunta que deveria ser feita: Oh senhor general ,se é contra os políticos o que caralho está a fazer aí sentado?

  5. doorstep diz:

    Que trio! leandro, figueiredo lopes (que quando ministro da defesa usou e abusou do transporte de helicoptero para fins pessoais, nomeadamente para ir visitar a familia a Bijeu)… e o pereira das armas de destruiçaõ “maciça” e do “observatório da segurança”…

    O leandro e o pereira “ex-operacionais” da máfia de macau.

    Os três indissociavelmente ligados pelo uso do traje “abichanado”, os três forrados de reformas gordurosas (pena não terem perguntado ao leandro se acumula reformas de macau e do arre-macho…).

    Patéticos!

Os comentários estão fechados.