10 mil numa torrente vermelha, no Porto.

Um ano depois da sua assinatura, respondendo ao apelo do PCP, 10 mil saíram à rua para rejeitar com cólera e convicção o Pacto de Agressão com a Troika, a exploração e humilhação impostas pela política de direita do PS, PSD e CDS. No dia 26, é em Lisboa.

Adenda às 21h: apesar da eloquência das imagens, até esta hora, não houve um, unzinho, orgão de comunicação social que tivesse falado disto ou mostrado isto. No Porto. 10 mil. A manifestação contra o memorando da Troika, convocada pelo PCP. Talvez isto, de uma vez por todas, demonstre de onde vem o verdadeiro perigo para a burguesia nacional.

Correcção à adenda das 21h: houve um, unzinho, orgão de comunicação social – uma estação de televisão – que mostrou parcialmente, de modo muito cuidadoso, imagens da manifestação.

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , , , . Bookmark the permalink.

58 Responses to 10 mil numa torrente vermelha, no Porto.

  1. Pingback: Manifestações de 12 de Maio: “indignados” vs. PCP « O Insurgente

  2. Pingback: Deve ser por acaso « BLASFÉMIAS

Os comentários estão fechados.