Cartas desde Cuba

Para quem não conhecia e tem interesse em conhecer uma perspectiva séria e critica sobre Cuba, aconselho vivamente o blog CARTAS DESDE CUBA de Fernando Ravsberg, jornalista uruguaio, como corrigiu o João Graça na caixa de comentários, radicado em Cuba há cerca de 20 anos e correspondente da BBC.

Deixo aqui um extracto da sua mais recente crónica semanal:

“Pero la Sra. no se da por vencida ni me da mucho tiempo para meditar y, con una mirada de astucia, me dice que piensa sumarse a los grupos disidentes y de derechos humanos para despertar así el interés internacional sobre su caso. En ese terreno yo no la puedo aconsejar pero pienso en la paradoja de que esta funcionaria, dirigente de la aviación civil, militante del Partido Comunista y condenada por corrupción, termine apareciendo en las listas de presos de conciencia. Amargamente se queja de que otros implicados tuvieron condenas menores porque colaboraron con las autoridades o están libres porque son personas muy importantes. “A uno de ellos le cogieron más de U$D 2 millones en su casa”, me cuenta. Le explico que ahí sí tenemos una buena historia, tomo la grabadora y le pido los nombres de los personajes a los que se refiere pero se limita a preguntarme “¿y que gano yo con eso?”, le respondo que quien gana es su país. “Entonces no me interesa”, me dice y terminamos la conversación.”

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

16 Responses to Cartas desde Cuba

  1. Vasco diz:

    Em Cuba, todos os presos são apresentados pelos média ocidentais como «políticos». Na Síria, os membros da AlQaeda são sempre apresentados como «rebeldes». Na luta de classes, todos escolhem um lado. Eu cá tenho o meu.

  2. João Graça diz:

    Fernando Ravsberg é uruguaio….

  3. As Damas de Branco foram parar à cadeia por realizar protestos
    pacíficos. O que não diria a CGTP se o governo atual fizesse o
    mesmo no dia 24 ?

    • Rafael Fortes diz:

      caro Luis, pelo que li em posts anteriores, o meu caro está interessado em vir cá à tasca apenas fazer barulho, não conversar. Já conhece o ditado “a porta da rua é serventia da casa”, não?

      • o juíz diz:

        a pergunta é pertinente. faça o favor de responder

      • Caxineiro diz:

        Epah
        Você não imagina o que tipos como eu aprendem à custa desses pastores que andam a boiar nos blogs
        Não mande embora esses crespos, dão origem a respostas interessantes

    • De diz:

      Isso parece um convite?
      O que está de acordo com o perfil do “luís a.afonso”

      Um debate sério pede intervenções sérias.
      As cenas de violência observadas nos países ocidentais sob a bota do neoliberalismo são infinitamente mais violentas que as observadas pelas manifestações das ditas damas de branco.Que ao que parece têm os meios mediáticos ao seu dipor.
      A prova provada é que teríamos os media, vozes do dono, histericamente a bramar…e a caixa de ressonância do “luís a. afonso” atrás.
      Uma espécie de .

      Sorry “luís a. afonso”.
      Entretanto a Greve Geral aproxima-se.E a reivindicação para o julgamento sem contemplações para os criminosos que nos governam também.

    • Xupa e Engole-o TodoBom diz:

      E os 6500 Presos do Occupy no sol da TERRA DOS AMANHÃS QUE CANTAM,a maior democracia do caraças e dos tráficos de droga em grande que é para dar de mamar aos banksteiros assassinos,caro luis a. afonso?

    • Carlos Carapeto diz:

      “Luis A. Afonso says:
      As Damas de Branco foram parar à cadeia por realizar protestos
      pacíficos.”

      Oh cara linda, falta dizer quem está por detrás destas damas.

      Preocupa-o tanto Cuba e não arranja uma palavrinha para o Haiti? Ou é assim tão vesgo que não consegue ver as diferenças?

  4. Sr. Fortes, estas almas caritativas usam sempre, por humildade, pseudónimos.
    Depois, em vez de argumentarem, possibilidade que lhes é interdita,optam
    pela *depuração* (na boa prática Estalinista). Quanto à prosódia . . .

  5. Quanto ao Senhor Vladimiro (Putin) gostaria que alguém me informasse:
    ele agente da KGB em serviço na RDA, quantos *coelhos* caçou no Muro
    de Berlim? Sim daqueles de *duas patas* que se arriscaram (os estúpidos)
    a deixar o *Paraíso. Sabem me dizer?

  6. Zuruspa diz:

    Verdades como punhos.

    Já sabia de ladröes vulgares promovidos a “prisioneiros políticos”, mas agora até estendem a “honra” a ex-funcionários condenados por corrupçäo. Mas até faz sentido: “sou contra o regime porque o regime näo admite corruptos”.

    Só descredibiliza os críticos do regime.

  7. Von diz:

    Luís não insista. O autismo desta casa é irrevogável.

  8. V. Cabral diz:

    As “damas cinzentas” são meia dúzia de malucas corajosas e reaçionarias. As pessoas que convocadas pela Inter, duma forma ou doutra, protestam na rua, são muiiiiitos milhares.
    Tu não tinhas cadeias para tanta Gente. E de passagem: Sabes que nos EUA, estão presos, alguns cubanos, por questões políticas? Estás solidário com Eles ?!
    Deixa esse pequeno, mas Grande País em paz ! …

Os comentários estão fechados.