Amanhã há Manif! Eu vou, pela Anulação da Dívida Pública

Andam aí uns tipos a dizer que há muitas manifestações, as pessoas ficam desmoralizadas, desgastadas. Há 3 dias atrás, ouvi um alto responsável do governo grego, visivelmente desgastado, na Euronews, dizer que o problema da Grécia é que se votam as medidas de austeridade mas  as manifestações e as greves fazem com que em muitos casos não se apliquem bem ou não se apliquem de todo. Para derrotar este Governo e esta “saída da crise” para a Banca todas as manifestações são poucas e quem fica em casa é por omissão co-responsável pelo assalto governamental. Quem não toma posição numa luta, toma sempre uma posição. A desculpa que a CGTP não é combativa não serve a ninguém a não ser ao individualismo militante. Primeiro porque as direcções sindicais, como se viu na TAP, são muito mais recuadas do que os milhares que lá vão estar amanhã, segundo porque cada um, é assim a democracia operária, vai lá com aquilo que pensa.

Eu vou com o CADPP, pela Anulação da Dívida Pública!

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

21 Responses to Amanhã há Manif! Eu vou, pela Anulação da Dívida Pública

Os comentários estão fechados.