Agora, já só me falta ver um porco a andar de bicicleta…

 Ver o FMI a sentir-se na obrigação de dizer que as políticas de austeridade não podem ser a única resposta à crise, sob pena de agravarem o problema, diz realmente muitíssimo acerca do mundo em que vivemos e dos políticos do centrão europeu…

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

2 Responses to Agora, já só me falta ver um porco a andar de bicicleta…

Os comentários estão fechados.