Que classe operária?

Lenine escreveu que a classe operária inglesa estava formada quando formou o seu partido, o Labour, porque para Lenine, na linha de Marx, a classe só é «para si» quando constrói um Partido disposto  a tomar o poder. Para E.P.Thompson a classe operária inglesa estava formada quase 100 anos antes, a partir do final do século XVIII, pela experiência e acção colectiva contra as classes dominantes da sociedade inglesa. Para Thompson a organização política é um factor secundário na consciência de classe? Qual a fronteira entre a experiência e a consciência de classe? As sucessivas leituras de Thompson, que deram origem a milhares de trabalhos académicos que se limitam a descrever o quotidiano, as comunidades, a vida da classe, são elas próprias fruto de uma visão domesticada de Thompson? Estas e muitas outras discussões estão certamente em cima da mesa, nestas

Sessões de leitura e discussão de A formação da classe operária inglesa, de E. P. Thompson.

 

18h-20h | Sala multiusos 2 (piso 4, edifício I&D/ FCSH).1ª Sessão – vol I
24 de Janeiro de 20122ª Sessão – vol II
13 de Março de 20123ª Sessão – vol III
15 de Maio de 2012

Edição de referência: Editora Paz e Terra, São Paulo, 1987 (2ª edição).
A participação implica a leitura do volume da obra em discussão em cada sessão. As sessões ficam limitadas a um mínimo de 5 inscrições e um máximo de 15.
Formulário de inscrição aqui.O primeiro volume da obra encontra-se disponível na reprografia das pós-graduações da FCSH – Curso de Mestrado em História, disciplina de História das Ideias Políticas Contemporâneas.
Organização: Grupo de Estudos do Trabalho e Conflitos Sociais, IHC/ FCSH-UNL.

getcs.ihc@nullgmail.com

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

1 Response to Que classe operária?

Os comentários estão fechados.