Julián Conrado, um cantor comprometido


Entrevista com Julián Conrado, uma das principais vozes do canto fariano, a música das FARC-EP. Foi detido na Venezuela quando procurava assistência médica para uma doença que padece. Há, actualmente, uma forte campanha para a sua libertação. A extradição para a Colômbia seria a sentença de morte para o cantor guerrilheiro. Vale a pena ouvir.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.