Haverá esquerda mais à direita do que esta?

Há quem ainda acredite, ingenuamente ou por cegueira, que o PS está a fazer uma viragem à esquerda. Eis duas respostas para contrariar essa pretensa teoria:

  1. Poucas vezes concordo com Vasco Pulido Valente, mas aqui acerta na mouche. Estamos fartos de líderes que são um zero do ponto de vista ideológico, profissional e até político.

2. A escolha deste senhor para vice-presidente da bancada parlamentar do PS:

Uma verdadeira figura de esquerda, como se sabe.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

7 respostas a Haverá esquerda mais à direita do que esta?

  1. Sassmine diz:

    auch. é isto a tal da esquerda-caviar? ou será só a esquerda-peixinho-da-Horta?

  2. José Manuel diz:

    “Uma verdadeira figura de esquerda, como se sabe.”

    Ah, fala do passado. Mas não podem as pessoas mudar? Não acredita o João na revolução, no que muda radicalmente. Não é isso possível?

    Com isto não quero dizer que BH tenha realmente mudado de ideias. Aparentemente, sim. Mas só podemos averiguar isso olhar para o que diz hoje (que confesso que não conheço) e não para o que disse ontem.

    Abraço

  3. José António Jardim diz:

    E não se lembram do tal Veiga Simão que foi ministro da Educação do Governo Fascista e depois foi ministro da Indústria dum governo ps liderado pelo m.soares?

  4. Rui F diz:

    “…Estamos fartos de líderes que são um zero do ponto de vista ideológico, profissional e até político…”

    Quem conhece o trabalho que o BH foi fazendo no AICEP – eu trabalho na industria e tenho algum conhecimento da coisa – sabe que o tipo é bom profissional e hoje as exportações – que ele impulsionou definitivamente – ainda é do melhorzinho que se faz cá.

    João, sabe do que fala quando diz que o homem é um zero sob o ponto de vista profissional (que eu saiba o VPV não disse nada disso)?
    Parece-me que está completamente a leste nesta matéria.

  5. João Torgal diz:

    Rui, leu bem o texto do VPV? Fala exactamente sobre isso.

    “Não tem um currículo académico de qualquer distinção. Não tem um currículo profissional.” – mais claro é impossível.

    Da actividade profissional de António José Seguro, consta apenas que é assistente na Universidade Autónoma, onde se licenciou. É preciso dizer mais alguma coisa?

  6. miguel diz:

    o PS vira à direita porque toda a Europa vira à direita. Já não há dinheiro para o estado social.

    A politica actual é determinada pela economia, e não o contrário.

Os comentários estão fechados.