não explicam, depois a malta… prontos.

Van Zeller: “É ridículo o povo aceitar sacrifícios e não ir para a rua”

Começa-se a ler e pensa-se “olha que bem, esta malta começa a perceber que a arraia sem dinheiro não lhes compra os produtos nem os lindos serviços”. Mas depois percebe-se que não, não é sequer isso. Na verdade, o povo vai para a rua porque não nos explicam. O povo vai para a rua, não porque estas políticas sejam abjectas, mas porque o Álvaro não aparece, o Vítor Gaspar é mau comunicador e o Passos está em baixo de forma. Ou seja, o problema não é a actuação criminosa do governo, o problema é que não haja Conversas em Família. Isto é cada cavadela cada minhoca.

 

 

(resultado de uma feliz mudança de toca, o meu acesso à net tem estado limitado. a CRP em fascículos segue assim que for desempacotada, que eu sei que andais cheixs de saudades…)

Sobre Sassmine

evil fingering.
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 respostas a não explicam, depois a malta… prontos.

  1. rato zinger diz:

    ..e,não é para ficar com saudades?!

    Desta corja desgovernativa é que eu não tive saudades!
    Mas,o meu respeito e estima à reserva ‘mural’ do psd e aos duartes limas que por dinheiro fazem tudo,mas mesmo tudo!!!Obrigados pelo altruísmo democrático e pela múmia de boliqueime,qual manequim anos 50 da rua dos fanqueiros(in Arrebenta)

  2. joão viegas diz:

    Cheios de saudades da série sobre a CRP. Andamos pois.

    Abraços

Os comentários estão fechados.