E ainda um linquinho para a nossa leitora compulsiva da Constituição (que acumula com a pasta de leitora compulsiva do Stieg Larsson)

Ei-lo (também com a transcrição da entrevista, caso não haja paciência para o videozinho).

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.