“The signature of his rule was, if anything, demobilisation.”

Lula, a esquerda anti-populista, sob o escalpelo, aqui. Lembrei-me disto por causa deste quiz: na Europa, ninguém conhece o Brasil como Portugal (perguntem a uma Helena Borges de Lund, Nápoles ou Aberdeeen se conhece “Os Sertões”, let alone se consegue lê-lo, seja em que língua for) – mas, ainda assim, Portugal conhece muito mal o Brasil (o vice-versa também é verdade, mas não me incomoda tanto). Pretensiosos de todo o país, ouvi-me: o genial livro de Euclides da Cunha precedeu seis-décadas-seis o In Cold Blood; deixem cair o Capote and get the real thing!

Sobre António Figueira

SEXTA | António Figueira
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

32 Responses to “The signature of his rule was, if anything, demobilisation.”

  1. Pingback: Já que queremos ir ao lado de baixo do equador | cinco dias

Os comentários estão fechados.