Junta de Convergência Nacional VI – Perguntas avulsas

MANUEL ALEGRE, depois de voltar à Comissão Política do seu partido de sempre, porque insiste em assinar manifestos que não sejam da autoria do FMI? Como entender a sua lealdade a Sócrates e ao PS? Porque é que cada vez que enche a boca a defender o Estado Social, radicaliza a sua disponibilidade para o destruir?

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , , , . Bookmark the permalink.

3 Responses to Junta de Convergência Nacional VI – Perguntas avulsas

Os comentários estão fechados.