Ministro Alberto Martins, PEÇO A PALAVRA: Não se demite depois das cenas da GISP-ASAE-DGS?

Cenas da vida quotidiana na cadeia de Paços de Ferreira:

Polícia: Sr. Gouveia? Vai limpar a sua cela? Sim ou não?

P: Levante-se da cama. Não vai limpar a cela? Não vai limpar nada?

P: Ponha-se em pé. Vire-se de costas. Olhe para a janela. O sr. vai ser retirado daqui. Olhe para a janela, não se mexa.

[disparo do Taser]

Preso: (grito)

P2: esteja calado!

P3: Olha os fios! Olha os fios!

P: Não mexe! Mãos atrás das costas! Mãos atrás das costas! Não mexe!

P: Ninguém o vai magoar. Ninguém o vai magoar. Ninguém o vai magoar…

P: Fale comigo. Qual é o seu número? Qual é o seu número?

Preso: (diz o número)

P: Como é que o sr. se chama?

Preso: (diz o nome completo)

P: Neste momento vai limpar a cela. Está compreendido?

P: Levante-se. Levante os pés! Saia para fora! Olha os fios…

P: Para ali. Contorna. Calma.

P: ???? da Guarda Prisional, do sr. chefe de guardas e vai limpar a cela?

Preso: Limpo… Limpo…

P: Enquanto o sr. não tomar medidas para ser um ser arrumado o sr. vai ser altamente violentado. Há dúvidas?

Preso: Não.

P: Levante-se!

Preso: eu já disse tudo. Eu já disse tudo.

P: Consegue-se levantar sr. Gouveia!

Preso: deixem-me pôr de pé se faz favor.

P: então, faça o favor de se levantar.

P: Só com uma perna, isso…

P: Vire-se de costas. Vire-se de costas. Neste momento o sr. vai limpar a cela.

P: Filma a cela, Alfa, filma a cela bem filmada em todos os cantos. Cagalhões… Quero essa merda bem filmada.

P: … primeiro vais lavar a cela para ficar em condições. A seguir vai limpar a cela em frente aos colegas, ouviste?

[Chega um enfermeiro]

P:… não, os grampos vão manter-se como estão. Ele vai limpar…

P2: atenção aos fios que ele pode ter algum movimento violento para si [enfermeiro].

P: não toque nos fios está em sr. dr. Verifique o homem.

P: cuidado com os fios e se houver alguma coisa é o Sierra que trata do assunto.

P: já sabes que se te mexes vais logo parar ao chão.

P: quer passar para o outro lado, se quiser passe por cima dos fios. Pode ficar agarrado…

P: Ok. Tá tudo limpo?

Enfermeiro: Sim, sim.

P: Ok. Há zero baixas!

P: ????. O sr. pode sair da cela!

P: sr. Gouveia, venha na minha direcção por favor. Cabeça baixa! Vamos embora! Vire à direita! Vai entrar na sua cela.

P: Comece a limpar sr. Gouveia, comece a limpar, sr. Gouveia. Comece a limpar. Ainda não limpou nada.

Preso: (começa a limpar o chão da cela com os pés)

P: sr. Gouveia, acabe a limpeza, sr. Gouveia. Saia cá para fora. Pode sair cá para fora. Pode sair pronto. Vá para a sua nova cela. Vá para a sua nova cela! À direita. Aquela de onde acabou de sair. Vá para a sua cela.

P: Baixe a cabeça, sr. Gouveia.

P2: Toma, desinfectante, queres?

P: Sr. Gouveia vai-se deitar aí…

P: Olha aí! Olha aí!

P: Deite-se na cama. Barriga para baixo…

P: Luvas de látex, luvas de látex, tens?

P: Vire-se para lá. Você pode estar calado?

P: álcool, álcool.

P2: O sr. enfermeiro, queres?

P: Quero.

P2: Tá a chegar.

P: como é que o sr. se chama?

Preso: (diz o nome)

P: qual é o seu número?

Preso: (diz o número)

Via Público onde também pode ver o vídeo do triste espectáculo do Estado de Direito Democrático. No ar fica também outra inquietação: Se isto é o que filmam, como será o que nunca se vai saber?
Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

52 Responses to Ministro Alberto Martins, PEÇO A PALAVRA: Não se demite depois das cenas da GISP-ASAE-DGS?

Os comentários estão fechados.