Com dedicatória vasta e abrangente

Li, sem entusiasmo e sem pasmo o relato das tristes palavras que Vossa Heroicidade pronunciou
(…)
A subserviência, a indisciplina, a desorganização dos homens; a desonestidade, a corrupção, a opressão dos processos governativos; a incúria com que fazem a educação como o fomento, o exército e a marinha como o comércio e a indústria – em que mudaram estas coisas, se não em refinarem, se não porque tudo piorou, pelo menos porque tudo progrediu, e onde o facto é o mal, progredir para pior.

Fernando Pessoa, “Carta a um Herói Estúpido”, Ática – Edições Babel (2010) Lisboa

Pós-Post: Não resisto a colocar esta imagem. É um tratado:

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

9 Responses to Com dedicatória vasta e abrangente

  1. Abílio Rosa diz:

    Em que circo trabalha este «palhaço», sem desprimor por esses esforçados trabalhadores do riso?

  2. Carlos Vidal diz:

    Esta imagem é demais.
    O sr. canas, nem uma artiguelho ou pequeno discurso é capaz de redigir. Agora um livro??
    Aqui há gato (é o gato do regime, ok).

  3. francisco santos diz:

    se isto sucedesse ao r. rodrigues, o fotógrafo tinha ficado sem a câmara fotográfica, subtraída num acesso irreflectido de acção directa! (em que jornal saiu esta foto?)

  4. Fernando Oliveira diz:

    Será que não conseguem ver o esforço (estudem bem a cara) que o homem está a fazer para conseguir ler o livro de pernas para o ar? Normalmente dizem que eles fazem as coisa em cima dos joelhos… mas aqui está a resposta: é tudo feito de pernas para o ar!!
    Nota: é difícil, mas por vezes acertam e ficamos espantados.

  5. antonio diz:

    Esse sr. deve ter umas capacidades místicas p’ra ler, ou então estava só a “pousar” para a pelingrafia e distraíu-se…

    De que raio de assunto tratará aquele ‘book’ anyway ?

    😉

  6. Jorge Sousa diz:

    Salta à vista que a foto é uma montagem, a capa está duplamente invertida; basta dois dedos de testa para ver que nunca pode ser o livro “de pernas para o ar”. Um pouco mais de cuidado elementar da próxima vez em que o Tiago se decidir por um tal “tratado”; faz figura do personagem que pretende atingir, sabia?

  7. Cá por mim ele está a fazer o que faz sempre…percebe tudo ao contrário…

  8. xatoo diz:

    Jorge Sousa (28 de Junho 23:11) o comissário para a investigação da inversão de imagens da chefia, é mau observador. Quem está de pernas para o ar não é o livro – é o objecto partidário-carreirista que o suporta

Os comentários estão fechados.