“Cada amigo nosso vale mais que um pai natal”

Há alguns dias que andava para escrever sobre o José Carlos Ary dos Santos e a sua imensa importância na arte da escrita cantada de expressão portuguesa. Decidi destacar os “Operários do Natal” (com textos partilhados entre o Ary e o Joaquim Pessoa, cantados pelo Carlos Mendes, Paulo de Carvalho e Fernando Tordo) pois faz parte do cancioneiro da minha vida.
Este LP (queiram fazer o favor de explicar aos mais novos o que era um LP) terá saído entre o Natal de 1977 e 1978 e, embora fossem tempos em que a revolução ia esmorecendo, as rádios ainda sentiam coragem para passar algo mais do que Paco Bandeira.
Hoje, este LP está esgotadíssimo e nenhuma editora se arriscou a reeditá-lo. Contudo, uma progura no Google, revela que muitos procuram a sua reedição.
De qualquer forma, os pais, o lenhador, a costureira, os carteiros, os palhaços, o pasteleiro, os vendedores e os amigos podem ser ouvidos aqui.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

9 Responses to “Cada amigo nosso vale mais que um pai natal”

Os comentários estão fechados.