LIMPAR É LIMPAR TUDO: QUE NÃO FIQUE NADA (da mesma fonte infecta)

gober

(E muita atenção àquilo que ficar esquecido !!)

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

10 Responses to LIMPAR É LIMPAR TUDO: QUE NÃO FIQUE NADA (da mesma fonte infecta)

  1. Pascoal diz:

    “(E muita atenção àquilo que fica!!)”

    ???
    Ainda vão lixar alguém?

  2. Carlos Vidal diz:

    Pascoal, o que pretende? Ter que tipo de graça?
    Vamos apenas limpar.

  3. Joane, o Parvo diz:

    Há coisas que não valem a pena!
    Quando alguma coisa se deteriora a ponto de começar a cheirar mal, eu não deito nada no lixo, é sanita abaixo e umas boas descargas. Mal inicia a viagem no esgoto já não me diz respeito. Não penso mais nisso. Pim!

  4. LAM diz:

    E q tal começar pela própria casa?

    Agora que estamos no fim da época, futebolisticamente falando, acho que poderia haver umas trocas. Limpeza de balneário, dizem os entendidos.

    (mera sugestão, tendo em conta afinidades e modos semelhantes de utilizar a filha da putice.)

  5. LAM diz:

    p.s.
    e a filha da putice, como expliquei ao próprio, não tem sexo, nem raça nem religião. É filha da putice, ponto.

  6. almajecta diz:

    deixa a historinha dos “testos”. vozes de burro não chegam ao céu e muito menos se memorizam na terra.

  7. almajecta diz:

    e o benfica? fica bem ou não? 3º… fôsga-se, nem o excluído quanto mais. da-se, o patrao tambem passa a vida no ritz, carago.

  8. Faz lembrar um filme do Buñuel em que a Deneuve sacava a perna…

  9. almajecta diz:

    His clean work, quite often depicting body parts, is confrontational, mixing the commonplace with the symbolic and the surreal such as a candle sticking out of a human leg. He is also known for extremely banal subjects such as storm drains stripped of their functions and featured as isolated objects for contemplation and meditation.

  10. almajecta diz:

    assim em inglês é mais científico e serve para referring.

Os comentários estão fechados.