Por favor, não incomodem a maioria silenciosa, ó malta pouco democrática

As maravilhas da maioria

Já agora, releiam este pequeno texto, cheio de boas intenções.

Sobre Nuno Ramos de Almeida

TERÇA | Nuno Ramos de Almeida
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 Responses to Por favor, não incomodem a maioria silenciosa, ó malta pouco democrática

Os comentários estão fechados.