O incomparável

Apesar da morte de Danièle Huillet, podemos sempre voltar a ver e rever, graças às Éditions Montparnasse, o melhor cinema das últimas (cinco) décadas. (Regressar-se-á a este tema).

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

4 Responses to O incomparável

Os comentários estão fechados.