Conselho de Ministro Extraordinário

Foi um Conselho de Ministro extraordinário. A agência de comunicação aconselhou a não demitir. O melhor seria nem se falar sobre o assunto. A decisão estava tomada. Os ministros poderiam falar sobre o jogo da selecção, sobre o trânsito ou sobre o furúnculo que  determinado secretário de estado tinha no pé. Houve apenas um momento de tensão quando o Ministro Santos Silva acusou o Ministro Mariano Gago de lhe ter roubado o copo de água (a propósito aconselho o post, também, extraordinário de jcd no Blasfémias).
O importante era a conferência de imprensa, antes dos telejornais, e com o nosso Emídio Fernando em directo. O Ministro da Presidência e a ministra falaram. Extraordinário!

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

1 Response to Conselho de Ministro Extraordinário

Os comentários estão fechados.