“Afinal não estamos aqui para maçar ninguém…”

«O objectivo não é confiscar tudo a quem errou e que deve ser punido por isso. Há que ser justo e proporcional», afirmou o vice-presidente da bancada socialista Afonso Candal.

Descansem os mais estupefactos com esta afirmação descontextualizada. Afonso Candal não se está a referir às famílias endividadas nem às pme’s que não se movimentam nos circuitos do bloco central. Candal refere-se aos pobres dos banqueiros. Alegre absteve-se…

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 Responses to “Afinal não estamos aqui para maçar ninguém…”

Os comentários estão fechados.