O mundo segundo Fernando Chalana

À pergunta: – Porque é que o Benfica não ganha?, responde Fernando Chalana: – Porque a bola não entra na baliza do adversário. Eu estava cansado de elaborações, conjecturas mais ou menos sofisticadas, causas úteis, últimas e instrumentais; Chalana chegou, ouviu-me e simplificou o mundo em minha intenção: – Porque é que a Alemanha perdeu a guerra? – Porque se rendeu. – Porque morreu John F. Kennedy? – Porque uma bala lhe trespassou o coração (ou os pulmões, ou outro órgão qualquer). Chalana só afirma o que sem sombra de dúvida pode ser provado. Chalana não obscurece o mundo com excesso de informação. Chalana não conspira. Chalana não se esconde atrás dos deméritos da equipa, das tropelias do árbitro, dos horrores do sistema. Chalana apresenta só factos, despidos de interpretações, causas imediatas e descomplicadas. Chalana torna o mundo claro e inteligível. Chalana dá-nos espaço para pensar. Obrigado, Chalana, por seres quem és.

Sobre António Figueira

SEXTA | António Figueira
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

15 Responses to O mundo segundo Fernando Chalana

Os comentários estão fechados.