Trinta anos a ser sustentado por todos os portugueses

ajj.jpg

A receber o que Alberto João Jardim todos os anos recebe do “continente”, qualquer um teria a “obra feita” (que eu em parte admito que ele tenha). O que nem toda a gente faria era manter um controlo policial sobre a ilha, controlar a imprensa, pagar a colunistas e manter sob seu controlo (como empregador) um quarto da população. Mas parece que agora já não lhe chega o subsídio: quer mais dois mil euros do Daniel Oliveira (fora os juros) a título pessoal.

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

6 Responses to Trinta anos a ser sustentado por todos os portugueses

Os comentários estão fechados.