O Financial Times copia o 5 dias

Obviamente influenciado pela controvérsia que nos ocupou aqui no 5 dias, o Financial Times de ontem publicou uma sondagem, conduzida em seis países (Alemanha, Espanha, França, Itália, Reino-Unido e E.U.A.) sobre política e religião que se refere também à questão do véu. Perguntados sobre se concordam com o uso de símbolos religiosos na escola, 77% dos norte-americanos respondem afirmativamente, contra apenas 10% dos franceses; sobre o direito das mulheres muçulmanas usarem o véu (presume-se que noutras circunstâncias da vida social), 59% dos americanos estão a favor, mas só 13% dos franceses (para referir apenas os países com posições mais extremadas). Outras questões: se os respondentes vêem ou não a UE como um “clube cristão”, se acham que deve existir ensino religioso na escola pública e, last but not least, se se definem como “crentes” ou não (quase 80% de believers nos E.U.A. contra pouco mais de 20% em França). Como diria Pedro Arroja, a culpa é do Rousseau…

Sobre António Figueira

SEXTA | António Figueira
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 respostas a O Financial Times copia o 5 dias

Os comentários estão fechados.