Votar no 5dias!

marxengelslenitrotsky

O Aventar volta a organizar o prémio “Blogs do ano”, desta feita referente a 2012. O voto no 5dias é, antes de mais, um voto no lado certo da luta de classes e um contributo determinante para derrotar o governo e a troika. É votar aqui e continuar a fazer a luta em todas as frentes, “by any necessary means”.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

52 respostas a Votar no 5dias!

  1. Duarte diz:

    Quem é o caixa de óculos?

  2. hipscoiso diz:

    É o gajo a quem os Peste & Sida dedicaram esta:
    http://youtu.be/qxDKXoqy-gM

    • O seu desassombro contrasta com a falta de rigor, tem noção disso, certo?

      • hipscoiso diz:

        Rigor a sério é atribuir “o sucesso do exército vermelho” a quem quase o destruiu. Fica lá com o gajo dos óculos. Um hipster antes dos hipsters. Pedante, como eles.

        • Renato Teixeira diz:

          Os óculos do profeta armado são redondinhos, tipo avant-garde, longe de massa vintage que os hipsters professam.

          • Tima diz:

            Eu que vinha aqui questionar o porquê de colocar a verdadeira foto dos “líderes” do socialismo e já saíram gajos da toca a querer trocar o Trotski pelo “mass murderer”… Realmente a esquerda em Portugal enquanto existirem estes estalinistas carpideiros está arrumada! O PS e o PSD agradecem a vossa canalhice…

  3. Bento diz:

    Tipo Professor Tournesol e as suas tendências para levitar ( no imaginário)

  4. Cristóvão diz:

    Afinal, a Revolução é uma mera questão de popularidade…

  5. Ramon Mercader diz:

    Furo na cabeça!!!

    • Zinoviev e Kamenev diz:

      Não foi só o Trotsky que o assassino vermelho mandou matar!!!
      Nós, cerca de 5000 oficiais do Exército e 2 terços do PCUS que metemos o poder nas mãos de Estaline agradecemos igualmente a campa a que ele nos destinou antecipadamente.
      Uma excelentíssima ida à digníssima senhora alternadeira sua progenitora são os nossos votos!

      • anti-Tima diz:

        O «assassino vermelho»!

        Ora aí está um nome que os amigos americanos gostam muito de ouvir.

        Tenho a certeza que este seu comentário teria um enorme sucesso entre as hostes hitlerianas que invadiram a União Soviética, em 21 de Junho de 1941.

        São tantas as semelhanças de comentários deste tipo, com a propaganda nazi…

        • Zinoviev e Kamenev diz:

          Claro que sim! Eu que estou aqui a defender a memória de 2 terços do PCUS, perto de 5000 oficiais do Exército Vermelho e os 2 amigos Zinoviev e Kamenev que Estaline mandou “apagar das fotos” estou a fazer propaganda nazi, mas você que defende um criminoso que mandou abater comunistas a tiro é um grande democrata!!!

    • Carlos Carapeto diz:

      Deturpem e escrevam as maiores falsidades que entendenderem acerca do Koba, jamais vão poder negar que era um daqueles Homens que a natureza dotou com os tins tins no sitio certo.

      Além de se ter recusado a abandonar Moscovo com as tropas nazis à vista da cidade, ainda teve a coragem de realizar a parada do 7 de Novembro com o inimigo a menos de 20 Km.

      E por duas vezes ficou “preso” nas primeiras linhas de combate, mesmo lá na frente a escassas centenas de metros do inimigo.

      Quando os Alemães proposeram negociar a libertação do filho. A resposta foi clara. O meu filho não é diferente de qualquer outro prisioneiro Soviético.

      Isto não consta na Wikipedia, por isso a maioria das pessoas ignoram.

  6. Duarte diz:

    Tima

    O autor do Blog é que incluiu o Prof Tournesol. Que eu tenha reparado ninguém nos comentários queria incluir o Zé dos Bigodes.
    Agora essa linguagem de guerra fria que utiliza é de assustar o mais frio dos estalinistas. Bolas bolas…

  7. Ganda Cena diz:

    Como fica cabalmente demonstrado pelas imagens recolhidas pelo ISL, o Estaline era o gajo bonzão que engatava as chavalas todas na escola e o Trotsky o marrão neird e míope vitima de bullying. Que os fãs trotskistas ainda achem espantoso que a malta tenha preferido um gajo todo pintas que assaltava comboios e fazia trinta por uma linha ao intelectualóide Carniceiro de Cronstadt, quando foi para arranjar um sucessor para o careca de barbicha, é algo que não cessa de provocar riso ao gajos e gajas fixes do presente: que me perdoe a Frida Kahlo.

  8. amigo de Uncle Joe diz:

    Leiam as posições de Trotsky antes da invasão alemã à União Soviética; muito idênticas às de alguns alemães nazis.

    Pôr Trotsky ao lado de Lenine, Engels e Marx é uma contradição enorme.

    • Renato Teixeira diz:

      Já coerência seria meter o tipo que acreditou e assinou a paz com Hitler?

      • hipscoiso diz:

        Nem acreditou nem a fez, apesar da assinatura que ganhou o tempo necessário nos pós Acordo de Munique. O tal tipo enterrou o nazismo.

        Em todo o caso é notável que apenas o Renato e um outro seu correlegionário fale dele. Que fixação…

      • Vasco diz:

        Nem uma coisa nem outra e tu sabes bem, ó Renato. Não assinou a paz, mas a não agressão, ao mesmo tempo que preparava a defesa, partindo muito de trás. Lê o diário do Goebbles e verás que desde a primeira hora os nazis passaram as passas do Algarve na União Soviética e depararam-se desde logo com uma resistência fortíssima. Mas ainda assim não meto o Stáline ao lado dos outros. Como ele próprio disse, isso seria “comparar o caralho com a torre dos bombeiros”. Tem vergonha!

      • Duarte diz:

        Foi por isso que a URSS depois veio a perder a guerra pá .Estamos sempre a aprender com o Professor Tournesol . Deixa lá o bigodes e o gajo da quarta internacional e faz mas é um post com as medidas hoje publicadas do FMI para Portugal.

      • amigo do Zé dos Bigodes diz:

        Se o Renato é contra a URSS, tem o direito de defender Trotsky, pois foi o mesmo que disse: «Estáline está a preparar a derrota da URSS”. Disse-o antes da guerra com os alemães.
        Na verdade, Estáline e a URSS venceram os alemães de Hitler.
        Depois, as declarações de Trotsky contra a URSS e Estáline favoreceram, na altura, a propaganda alemã de Hitler (antes da operação Barbarossa).

    • Vasco diz:

      E uma ofensa. Das grandes!

  9. Tima diz:

    Eu entendo marxistas, leninistas e trotskistas. O que não entendo é a contradição e a incompatibilidade e o absurdo mesmo, de alguém que se diga de esquerda e “aprecie” o estalinismo!
    Gente dessa só dá força à direita!

    • anti-Tima diz:

      Que comentário mais idiota. Para fazer este tipo de comentário, é necessário ser mesmo ignorante.
      É caso para dizer que com comentários deste tipo, dão mais força à direita.

  10. Vasco diz:

    Devias ter vergonha pôr o “coiso” ao pé dos outros três. Não entro em votações destas, mas assim é que nunca!!!!

  11. JMM diz:

    isto parece aqueles joguinhos da primária.. “o que está errado nesta foto?” ou “o que não pertence aqui?” ou, ainda, “quem está ali a mais?”

  12. alexandra diz:

    Caramba, a estas alturas da História e dos seus escoamentos, ainda a laminar “o coiso” como mandaram os “altares” há porras de anos….
    Por circunstâncias da vida, nunca votei nas urnas. Vou ver se me desforro aqui.

    • Vasco diz:

      A estas alturas da história, o Renato é que não devia provocadoramente puxar pelo que divide, mas sim pelo que une – isso, claro, se ele estivesse realmente interessado em construir o que quer que seja em Portugal…

      • Renato Teixeira diz:

        O que é que eu puxo que divide?!? Esta é a série de posts mais unitária que alguma vez viu por estas bandas.

  13. andreas diz:

    Foi um golpe de mão? O 5 Dais é oficialmente um blog trotska? De que linha? Lambertista? Mendelista? Outra?

  14. xatoo diz:

    “onde cada um pode ser o que quiser” quando não lhe cortam os comentários. Esqueceu-se dessa parte. Assim como se esquece que o “trotskismo” é um embuste e actualmente faz o jogo dos neoliberais que pretendem a revolução da “nova ordem global” (do kissinger e do brzezinski)

  15. Pingback: Por acaso, votei no “Arrastão” (até porque o Sérgio Lavos mudou muito e está a escrever em grande forma) | cinco dias

  16. Victor Nogueira diz:

    Mas isto é um debate com um mínimo de seriedade ou um chorilho de frases feitas e bafos de café ? Quem quiser ser esclarecido nada aprende. Até parece as caixas de coentários de leitores/as dos tablóides e dos jornais de “reverência” Enfim …l

  17. Pingback: Votar no 5dias! (II) | cinco dias

  18. Pingback: Votar no 5dias! (III) | cinco dias

  19. Coitado do Lénine, mesmo ao lado dessa figura que tanto o insultou. Ao menos, agora na memória, poupemos-lhe esse vexame.

    • Renato Teixeira diz:

      Claro Miguel, é ler o que Lenine escreveu sobre Trotsky e sobre Estaline. Nota: Não vale ler o que Estaline escreveu em nome de Lenine, nem sobre Trotsky, nem sobre ele.

Os comentários estão fechados.