A ler

Banif – um novo BPN
site PCP

As semelhanças entre o BANIF e o BPN
reportagem SIC

BANIF em risco de falir e se tornar num novo BPN
Pravda Ilhéu

P.S. – E o que diz o PS sobre o BANIF, esse banco tão Amado

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

3 respostas a A ler

  1. Duarte diz:

    De facto, parece que tambem no caso Banif ha um pacto de silencio entre o PS e o PSD

    Porque será? quem sao os devedores do Banif que se calhar nao vao pagar?

  2. Carlos Carapeto diz:

    A convergência de interesses entre o PS e o PSD em quase tudo que diga respeito à via politica que ambos têm seguido enquanto são governo não surpreende ninguém , são enxertos retirados do neolibaralismo, portanto os frutos têm o mesmo sabor.

    Portanto o problema da governação desastrosa destes partidos devia ser analizado a partir do pendor da imoralidade, atendendo à devastação criminosa das politicas erradas que têm sido teimosamente seguidas.
    Se um fez mal enquanto governou o outro quando ocupa o lugar faz ainda pior. O exemplo está à vista com as medidas cegas que estão a ser tomadas.

    Com o BPN coletivisaram-se os prejuizos, o resultado é conhecido . O Banif tenta fazer-se ainda pior, não se nacionaliza, mas injeta-se grandes somas de capital para os responsáveis gerirem a seu belo prazer.
    Este capital vai acumular-se nalgum lado.
    E um destino ideal no atual momento, podem ser as materias primas que já estão a subir em condições de gerar um bom investimento.
    Mas Portugal não exporta materias primas. Portanto o desvio inadequando destes fundos vai agravar ainda mais a receção.

    Está provado (na prática) que o mecanismo de injeções de capital nas instituições financeiras têm pouca ou nenhuma eficácia na resolução da crise, porque longe de acabar com o problema, apenas adia a solução, quando não a agrava.

    Quando se trata de uma grande empresa com centenas de trabalhadores, que gera mais valias para a economia, deixa-se ir à falencia por não ser considerada viável.

    Mas ao primeiro espirro de alarme socorre-se um banco sem qualquer utilidade a não ser para meia duzia de gulifões que vivem da troca de dinheiro.

    Bancos há muitos

  3. Gazeta Oriental diz:

    Sugeria que investigassem a relação e as coincidências dos patrocinadores do Sociedade Esportiva Palmeiras.

Os comentários estão fechados.