“Os estivadores estão à frente na luta contra a destruição e precarização do emprego! A nossa luta é a de todos!”

“A proposta de legislação do Governo para reestruturar e ‘flexibilizar’ o mercado de trabalho portuário é um ensaio para a desregulação do trabalho em muitos outros sectores da economia. Com a sua freve ao trabalho suplementar, os estivadores do centro e sul estão a pagar com a sua pele uma luta contra a ofensiva do Governo e do patronato. Hoje sou eu, amanhã és tu!

Vídeo via MSE e excerto do panfleto distribuído pelo Sindicato dos Estivadores, Trabalhadores do Tráfego e Conferentes Marítimos do Centro e Sul de Portugal. Ver também o vídeo de divulgação da Plataforma 15O e a chegada a São Bento via Indignados Lisboa:

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

9 respostas a “Os estivadores estão à frente na luta contra a destruição e precarização do emprego! A nossa luta é a de todos!”

  1. vitormonteiro diz:

    e os filhos da puta do ps vao votar a favor da lei fascista do psd,cds dos portos

    • De diz:

      “Maioria e PS aprovam nova lei dos estivadores”
      “Momentos antes, durante o debate, o tom entre os socialistas e a maioria era de diálogo na próxima semana, durante os trabalhos na especialidade.”

      Para a memória futura.E presente

  2. vlad diz:

    Quero ser estivador quando for grande…é melhor ganhar 1200 euros que os 2000 que ganham…

    FIXAR:
    aumento da despesa se fica a dever, quase exclusivamente, às despesas com pessoal e com prestações sociais, que deverão crescer 3,7% e 2,1%, respectivamente – como resultado da reposição dos subsídios (1 para os activos, e 1,1 para os pensionistas e reformados) cujo pagamento esteve suspenso em 2012 como se sabe mas que a famosa jurisprudência do T. Constitucional obrigou a repor pelo menos em parte…Para tornar as coisas mais negras, verifico que esse agravamento da despesa será financiado com um aumento da receita dos impostos, (+7,5%), em especial dos impostos sobre o rendimento (+20%!), sobrecarregando um sector privado que tem sido o único motor do difícil processo de ajustamento da economia…
    TRABALHAR: direitos depois

    • john diz:

      Vai morrer longe,oh palhaço!Quando é que abortos como tu que votaram nestes terroristas fazem uma manif de apoio ao percidente do concelho de menistros?(tás a ver q aminha ortografia está ao nível do teu pensamento de merda?!).
      Burro:75% da chamada Dívida Pública é DÍVIDA PRIVADA!!!Isto é: dos banksters,privados,seguros.

      A crise não deve às greves,esfregão e,sim aos teus irmãos do PSD/PS/CDS!!!

  3. V CABRAL diz:

    Não conheço bem o problema dos estivadores, mas conheço bem 0 PS/PSD/CDS, por isso estou com os trabalhadores …

  4. JgMenos diz:

    Lá se vai o ‘couto’ dos portos, ou só julgam que só há cartéis de capitalistas?

    • Renato Teixeira diz:

      Antes houvesse cartéis de direitos…

    • angelo diz:

      Sim, e os coutos do angelo correia, e uma lista de irmãos do PSD/CDS ,em empresas em que acumulam CEO’s por tudo quanto é possível de mamar.Por acaso pertences ao couto dos orgulhosamente ‘com os bandidos’.Se fosse ‘dono’ do blog ias comentar para o caralho que te foda…

Os comentários estão fechados.