“O melhor povo do mundo” vai derrotar o pior governo do pós 25 de Abril

O José Manuel Fernandes aderiu à mistificação e sonha com um lugar na estiva, a Margarida Rebelo Pinto lamenta que a crise a tenha obrigado a fazer um downsizing do seu lifestyle e inveja os sinais exteriores de riqueza dos indignados, o General Pires Veloso sente um cheiro de PREC no ar e o António Ribeiro Ferreira depois de querer partir a espinha aos sindicatos quer agora partir os ossos dos estivadores e dos grupos radicais.

“Os homens que param o país” estão a deixar os austeritários em sentido mas como ironiza e bem o António Mariano, um dos estivadores que tem acompanhado este processo de luta, eles são também “os homens que faziam funcionar o País, 24 horas por dia, 362 dias por ano”. Estivadores, movimento social e sindical, partidos de esquerda, cidadãos e activistas empenhados, em suma, “o melhor povo do mundo”, tem dado conta disso mesmo e por isso o governo já sabe que o seu tempo acabou.

Nos próximo dia 27 e no próximo dia 29 – datas da votação do Orçamento de Estado e da Manifestação Internacional de Estivadores – o governo, a troika e os seus acólitos vão consumir o último trago de ar que ainda os mantém vivos e esse será, paradoxalmente, o garante de que todos os outros poderão continuar a respirar.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

23 Responses to “O melhor povo do mundo” vai derrotar o pior governo do pós 25 de Abril

  1. Pingback: “Querestroika? 01 – Ide Pró Caralho” |

  2. Pingback: 12 pontos contra a mistificação e uma manifestação imprescindível | cinco dias

Os comentários estão fechados.