Porque não são todos iguais…

… hoje, na Assembleia da República, 24 representantes do povo (10,43% dos eleitos) farão chegar a luta do seu povo ao Parlamento através de duas moções de censura. Os restantes votarão para que tudo fique na mesma.

P.S. – em directo.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.