TRÊS FÓSFOROS – À atenção dos pirómanos e austeritários do novo Código do Trabalho e da nova Lei do Arrendamento

Razão tem o Tiago. Há alturas em que é preferível deixar a música falar.

 

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.