A estória de Helena e dos dois macacos

Eu faço a gestão de dinheiros publicos. Eu contacto uma associação de direito publico para aplicar essas verbas. Eu condiciono a atribuição dessas verbas à escolha da empresa do meu amigo. Eu e o meu amigo, o que somos? Corruptos, não é?

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

8 Responses to A estória de Helena e dos dois macacos

  1. Pingback: Artigo 335.º do Código Penal – Tráfico de influência | cinco dias

  2. Pingback: Como o bloco central se protege | cinco dias

Os comentários estão fechados.