Massas radicalizadas.

Os mineiros das Astúrias estão a dar uma lição de luta aos trabalhadores de todo o mundo e estou certo que dispensam que o fumo da sua combatividade seja comparada à fumaça juvenil do Pedro Penilo. No próximo Sábado, também irei, com outros companheiros do MSE, à manifestação da CGTP, e gostaria de ver em actos os ensinamentos que os seus homólogos sindicalistas nos têm dado a partir do norte da península. É desta que se corta a Avenida da Liberdade para lá da hora marcada, se ocupa um dos ministérios da troika ou se avança de novo para a Ponte 25 de Abril?

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

61 Responses to Massas radicalizadas.

  1. Pingback: O espírito inquisitorial… dos outros. | cinco dias

Os comentários estão fechados.