Seja patriota; exerça a mobilidade

No discurso governativo, a julgar por declarações do Secretário de Estado da Juventude que há pouco passaram na TVI, já não se diz a palavra “emigrar”.

Agora, o que os jovens fazem (e esta alminha, secundada pelo nosso primeiro, lhes mandou fazer) é «exercer a mobilidade».
Para provavelmente fugirem ao «coiso»… digo, à «zona de conforto» da  «oportunidade».

Até na sua obscenidade estes chico-espertismos semânticos são paupérrimos. Claramente, há muito quem governe e pense «acima das suas possibilidades».

E fica a dúvida: será que vamos todos ser obrigados a exercer a mobilidade? Ou que, em vez disso, o pessoal se mobiliza?

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

Uma resposta a Seja patriota; exerça a mobilidade

  1. CeC diz:

    ..E tudo isso, resultado da má gestão que este Governo tem com a Imprensa.
    Faz-me pensar no aproveitamento que fazem a cada vez que o Passos ‘tenta’ comentar algo.

    O Sócrates lá tinha -e continuará a ter, certamente- todos os seus defeitos, mas esclarecimento e oratória não lhe faltavam..

Os comentários estão fechados.