A conversa, que se quer séria, prossegue dentro de momentos…

Recebemos, hoje pela fresca, a mensagem que passamos a reproduzir. Não interessa de onde veio. Quem é esse Silva Carvalho?

 

de: Daniel Oliveira xxxxxxxxxx@nullxxxxx.xxx

para: maltadaesquerdalivreefixeenadaatonita.chefes@nullgooglegroups.com

cc: maltadaesquerdalivreefixeenadaatonita.osoutros@nullgooglegroups.com

data: 18 de Maio de 2012  06:23

assunto: é preciso ter calma que isto não quer dizer nada. O importante foi que estivemos lá todos juntos e depois o almoço até foi muito porreiro.

 

Bom dia camaradas/companheiros/malta/Rui T./aquele senhor que também queria assinar mas só se o Garcia Pereira assinasse também

 

Calhou a estar acordado a esta hora e fui dar uma espreitadela aos jornais de hoje para ver se diziam alguma coisa sobre aquilo lá da Grécia ou sobre o nosso grande acontecimento de ontem. Um momento que marcará, seguramente 😉 e de forma determinante, o futuro da esquerdalhada toda em Portugal. Mas foi mesmo só porque calhou. Olha se eu tivesse ficado a noite toda à espera… 😀

Aquilo ontem foi bom, pá. A malta toda ali. É um balanço muito positivo. Por isso é que eu vos digo que não temos que desanimar já, pá. Isto é a prova de que aquela malta da «esquerda-presa» (esta foi muito boa ó Rui! grande contributo! imprescindível! valeu mesmo a pena esperar!) controla tudo da forma menos livre possível. E é contra isso que nós vamos andar por aí. Depois vê-se onde.

Pronto, pá. Era só isto que eu tinha para dizer. Depois reunimos todos como combinámos daquela vez antes daquilo de ontem. Agora a malta que só assinou pode parar de ler que o resto da mensagem é só para a malta que aparece em sítios e/ou em coisas.

Pá. Isto é sério, pá! Os diários todos… até aqueles que a malta que anda de transportes lê… os desportivos… nem uma palavra nas primeiras páginas de todos! Temos mesmo que falar com o Soares (foi fixe o gajo dizer aquilo do PS se zangar com a Troika, assim há mais malta de esquerda a vir). E aquele gajo da Madeira? O Coelho? Que é que dizem? O gajo aparece em tudo e faz coisas que se farta. A mim parece-me bem.
Vamos lá a pôr isto a mexer. Alguém já conseguiu confirmar se aquele José Manuel Fernandes que assinou sempre é o tal? Isso era importante para chegar à comunagem toda dos meios de comunicação social! O gajo até era do MRPP e pode dar jeito se o pessoal do RDA entrar e quiser pintar muros e assim…

Só mais uma coisa: não se esqueçam do que ficou combinado na última reunião a sério. Cada um leva qualquer coisa de esquerda para dizer na próxima reunião! E desta vez não vale usar o Citador do Marx, ó pessoal do PS. Vamos lá a ver isso. Se não se lembrarem de nada vejam os vídeos do Pedro Nuno Santos para se inspirarem. Por falar nele, Zé Gui já te respondeu ao mail?

Depois leiam as cenas que eu escrevi sobre aqueles assuntos todos que eu domino, apesar de não ser político – esta minha também foi bem esgalhada 😉 – e digam à malta para ler e mandar para os amigos.

Escrevi!

5 anexos — Fazer a transferência de todos os anexos   Visualizar todas as imagens   Partilhar todas as imagens

Danieloliva, no aparelho de andar no bolso para falar e mandar mensagens

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , , , . Bookmark the permalink.

13 respostas a A conversa, que se quer séria, prossegue dentro de momentos…

  1. licas diz:

    A tal refeição deve ter sido *espirituosa*
    (Daniel Oliveira, o genuíno, é nhurro p´ra burro) .

  2. grilhoes diz:

    Isto e verdade?

    Se for, e uma deselengancia….

    As acoes ficam com quem as pratica…

    (perdoem a falta de acentuacao)

    • Carlos Guedes diz:

      Caro grilhoes,

      Obrigado pelo seu reparo. Permita-me só que corrija um detalhe. As acções ficam com quem as compra. De resto… começo a ficar preocupado com a minha evidente falta de traquejo no uso da ironia!
      Valha-me o meu texto de apresentação* aqui na tasca para justificar quase tudo o que aqui escrevo!

      Um abraço!

      * «Não sabe bem ao que vem. Mas gosta de escrever e acha que tem piada. Provavelmente está enganado.»

  3. Kirk diz:

    Guedes, você já reparou na profusão de posts, neste blogue de Esquerda, que aparecem para dar porrada em outra malta de Esquerda. A não ser que Vc considere que a unica Esquerda de Esquerda é a sua, a exemplo doutros bloguistas que parece sofrerem do mesmo mal, que razões de fundo há para que gajos de esquerda passem grande parte do seu tempo, na actual situação do País, a dar porrada em outros gajos de esquerda?
    Nao se pode dizer que no 5DIAS não haja pluralidade de opinoes, mas Vc já reparou que uma boa parte dessas opiniões é para malhar na esquerda? E como não se vê qq acção concreta que vise reunir a Esquerda em torno de objectivos que a possam reunir, o mais certo, objectivamente, é Vcs. estarem mais preocupados com a vossa plataformazinha particular do que em dar passos para congregar os esforços da Esquerda em torno de objectivos comuns.
    Eu também acho que o Rui Tavares teve uma atitude pouco honrosa: tinha um compromisso com o BE pelo qual foi eleito deputado europeu, e quando rompeu esse compromisso deveria ter entregue o seu lugarzinho de deputado, o que ele nao fez. Porém a pessoa é inegavelmente de esquerda embora tenha feito merda, coisa que todos aqueles que aqui postam e comentam já fez de certeza. Ora bem, nunca mais vao falar com o gajo? falo neste caso a titulo de exemplo, apenas. E quem diz este diz outros. É que cada vez mais se tem a impressao que há aqui companheiros de percurso mais preocupados em alargar a sua base de apoio, nem que para isso tenham que se atitar a outros companheiros de percurso, em vez de a alargarem atirando-se á direita (PS incluido).
    K

    • Carlos Guedes diz:

      Kirk, não leve a mal o que lhe vou dizer. É que eu concordo com praticamente tudo o que escreveu. E como estou a ser sincero e não a usar aquela velha táctica do dizer-que-concordo-para-acabar-a-malhar-em-tudo-o-que-disseste era coisa para dar por encerrada a conversa e seguir adiante.
      Agora, isso não é conversa para esta posta. Já reparou que o título diz, claramente, que a conversa séria não é para aqui chamada? Mas vamos lá então. Se for aqui verá que, a certa altura eu escrevo:

      «A esta Esquerda que hoje se apresenta eu não viro as costas. Espero é que digam igualmente «presente» se e quando o apelo for por uma Esquerda de combate!»

      Eu falo com toda a gente. Mesmo. Principalmente se for de Esquerda. Nisso sou mesmo sectário.
      Obrigado pelo comentário.

  4. jorge campos diz:

    mas este email é verdadeiro ou trata-se de um exercício de escrita criativa por parte do amigo Guedes?

  5. Kirk diz:

    CGuedes, é, o uso da ironia requer que se saiba escrever de modo a que isso transpareça das palavras. Pelos vistos Vc nao está fadado para isso.
    K

  6. justino amaral diz:

    Sob o título «Sim, eu quero obrigar os autores do “Manifesto para uma Esquerda Livre” a tomar posição », uma interessante devolução de bola aqui em
    http://sempunhosderenda.blogspot.pt/2012/05/sim-eu-quero-obrigar-os-autores-do.html

  7. Tima diz:

    Aliás não é só o Guedes que está diagnosticado. Este blogue inteiro é um caso de pura psiquiatria política.

  8. CausasPerdidas diz:

    Não comento a tentativa de ironia, falham-me alguns contextos, mas o texto fundador: Macacos me mordam, dou voltas àquilo e nada que me abane ou questione, e olhem que sou um tipo que gosta do “só sei que nada sei” e faz lema do “aprender, aprender sempre”; suspendo o visionamento pirata do “Game of Thrones” porque a SIC-N anuncia uma entrevista com o Rui Tavares (conquisto o telecomando à minha cara-metade), debalde, zero, nulidade, tudo para ver uma espécie de ala esquerda do Movimento Esperança Portugal , mas sem esperança (ela ri-se que nem uma perdida com a minha “vitória”); tanta gente ilustre, pensadora, letrada, inteligente (sem ironia) e não consegue parir mais que um estado de alma derrotista, incapaz de apontar um único ponto de luz de referência. Que pobreza confrangedora!
    Até formar melhor opinião, alguém teve azar: o resultado eleitoral do Syriza dessincronizou a agenda e atropelou os prazos do “convite” de Rui Tavares a uma tendência do BE após as boas sondagens da Esquerda Democrática grega. Penso que alguém terá de defender com clareza o que pensa junto dos aderentes do seu partido, e sujeitar-se ao escrutínio dos iguais.
    Se calhar, a próxima convenção do BE será a mais interessante dos últimos anos. Quem pensa que o “enterismo” é um exclusivo das seitas ditas trotskistas, ou que o manobrismo e o calculismo cínico são monopólio das cliques estalinistas, desengane-se.
    Por outro lado, desculpem mas esta não me sai da tola cada vez que leio a lista subscritora do manifesto: concorrer debaixo de um programa, desacreditar e decidir mandar o compromisso às urtigas (legitimamente, só os burros não mudam de opinião) mas tomar a decisão de ir embora sem sair do lugar conquistado pelo programa… Pois, sou um eleitor do Bloco de Esquerda – por defeito, confesso, mas sem amnésia.
    “A descrença na ‘classe política’ é um dos sintomas de que a Democracia está em crise”, ou uma merda assim, dizem todos. Uma coisa sei eu, ao contrário da dúvida que o Carlos Guedes mantém acerca da sua capacidade para usar a ironia, eu, se me desse para escrever manifestos, o La Palisse (também) sairia a ganir.
    Até lá, toda a gente tem direito a reunir-se e a formar as associações que entender. Estarei atento. Por causa de outra: “Os amigos escolhem-se os irmãos não.”

Os comentários estão fechados.