Porque é que há dois mil palestinianos em greve de fome e não se vê uma notícia sobre isso?

O aniversário da Nakba (catástrofe) com que Israel massacra a Palestina desde 1948 e a greve de fome dos cerca de 2000 palestinianos presos ilegalmente nas prisões israelitas, parece não despertar a atenção da opinião pública nem a ter o devido tratamento jornalístico nos meios de comunicação.

Em greve da fome colectiva desde 17 de abril, alguns deles iniciaram a greve há 2 meses e meio e encontram-se em perigo de vida. São quase metade do total de presos, os que lutam neste momento contra o sistema de “detenção administrativa”, o isolamento e a ocupação da Palestina. (Ler comunicado dos grevistas)

Para combater o obscurantismo e a censura, participa no debate, hoje, às 19h, no acampamento da primavera global – Parque Eduardo VII – com o João Jordão, do Comité de Solidariedade com a Palestina e, no dia 17 de Maio em frente à Embaixada de Israel, participa na manifestação de solidariedade convocada pelo Movimento Pelos Direitos do Povo Palestino.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

22 Responses to Porque é que há dois mil palestinianos em greve de fome e não se vê uma notícia sobre isso?

Os comentários estão fechados.