Somos todos arguidos!

Depois de um representante da plataforma 15 de Outubro ter sido intimidado, chegou a vez de um activista do TugaLeaks. Ao que parece, quatro inspectores da Polícia Judiciária entraram-lhe em casa, interrogaram-no sem permitirem a presença de um advogado e terão levado quatro horas a abandonar a sua residência (ler o relato do próprio). A melhor resposta ao governo é aquela que daremos na rua, já na greve geral da próxima quinta-feira, mas agora uma pergunta se impõe – Para quando a recuperação do Tarrafal?

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , , . Bookmark the permalink.

18 respostas a Somos todos arguidos!

  1. Filino Rupro diz:

    Mas como é que é isto? Expliquem s.f.f.
    Então traziam mandato? Se não traziam, como podiam entrar na casa? Forçaram a entrada?
    Isto não está bem contado e gostava de perceber melhor…
    Ou foi só bullying ‘estatal’?

  2. *Eles* não precisam de explicações: *postam* e pronto.
    As *denúncias* tem o seu próprio desiderato. Disse – rato ?
    Foi sem querer.

  3. «Na verdade, nenhuma forma de expressão do pensamento contrário ao pensamento oficial [do Estado, nota nossa] é permitida; não é autorizada nenhuma forma de organização da Oposição, nem permitidas reuniões políticas não integradas na ordem vigente;

    Quem foi o Autor e a que Estado se referia? À URSS, ou talvez não . . .

    • De diz:

      (Béu-béu.
      …ladra “luís a. afonso”)

      As questões são demasiado sérias para estarmos com pruridos face às pequenas manobras dos ratos que gostam de os convocar.
      E como tal devem ter o tratamento adequado à espécie
      Sorry “luís a. afonso”

  4. JgMenos diz:

    Vem lobo!!!!…. dizia a toda a hora o rapaz que em final o lobo comeu!
    Em todo o fundamentalismo, o pensamento tende a emular os mártires e a ignorar a realidade.

  5. De says:
    19 de Março de 2012 at 23:35
    (Béu-béu.
    …ladra “luís a. afonso”)
    ________________

    Como não uso coleira, nem faço habilidades
    para gáudio do DONO, prefiro ser_______coiote. . .
    Agora a CGTP, com *comando à distância bem explícito*
    (um Arménio não sei quê) tomou conta do blogue. . .
    é dos livros . . . ).

    • De diz:

      “luís a. afonso”
      Confirma-se.
      É dos livros também.

      Bem explicito:
      -Uma Greve Geral a 22 de Março
      -O avanço de formas fascistóides na nossa sociedade.

      “luís a. afonso” tenta “tapar” as duas coisas.
      É tão explicito que chega a ser patético
      ( e exemplo paradigmático…lol)

  6. Vasco diz:

    Renato, devias ter citado o autor do desenho. José Dias Coelho, escultor, militante comunista assassinado à queima-roupa pela PIDE em Dezembro de 1961 – controlava o sector intelectual de Lisboa do PCP. Também nessa altura, havia “luíses a.afonsos” que diziam que não se passava nada e que os problemas eram só na União Soviética…

  7. Vasco
    Usa a *imaginação criativa* para trazer o que eu pensaria se . . .
    D grande não é patético, é pateta, o que lhe fica muito bem,
    na malta que o sustém, deliciando-se com a *prosa* fácil
    de outras eras, contra o fascismo . . . de Sacavém, (isto é
    do Botas, como convém).
    Ora consiste em pura difamação/injúria contra mim o que
    Vasco ensaia insinuar.

    • De diz:

      Paupérrimo! ( e patético…lol)
      Mas paradigmático…
      Sorry “luís a.afonso”,eu vou repetir para vossemecê:
      Bem explicito:
      -Uma Greve Geral a 22 de Março
      -O avanço de formas fascistóides na nossa sociedade.

      O “rapaz” anda por aqui e agita-se.Sabemos porquê
      Ahahhahah

  8. Os *stalinistas* têm dependurados nas suas cozinha
    o calendário para _____________1970.
    E não mudam . . .

    • De diz:

      Mais uma informação objectiva dos temores de “luís a. afonso”.
      E dos suores?
      Agora trata-se do calendário
      O “rapaz” de serviço esmera-se
      Lol
      cada vez mais patético,hein?

  9. *Serviço* fa-lo você, à Intersindical e ao PCP (rima e é verdade)
    Mas, quem teme a greve/manifestação? Tenha juízo poltrão.
    Não estamos em Cuba, pois não?
    Onde as Damas de Branco vão parar à prisão. Pois então

    • De diz:

      Havia um plumitivo que pensava que.
      E rimava…quer dizer …fazia aquilo que o “luís a. afonso” faz…
      quer dizer fazia que rimava enquanto fazia o servicinho
      ou seja….
      era assim o”luís a.afonso”..em toda a sua imensa plenitude…tipo servicinho cumprido por qualquer coisa a rimar

      Isto não interessa para nada.Sorry plumitivo de serviço.
      O que interessa mesmo é isto:
      “-Uma Greve Geral a 22 de Março
      -O avanço de formas fascistóides na nossa sociedade.

  10. Tenha cuidadinho com a língua: não sou da sua estirpe,
    se continua com torpes insinuações/difamações/calúnias
    é melhor que se contenha. Responda, se quiser, às questões
    por mim postas, mas com civismo, que eu exijo (a começar por mim, claro).
    Não aprendeu, na *igreja* junto do *confessor* que a dialéctica
    é imprescindível, ou apenas está obrigado *agit-prop*?
    Diga de sua justiça, fico à espera . . .

    • De diz:

      “luís a.afonso.”
      Sorry
      Não estou para aturar peralvilhos da sua estirpe ( ou da sua espécie?Oh dúvida angustiante).
      O civismo esvai-se na batina do seu confessor com que tenta agitar a propaganda.

      Mas o que importa mesmo é a Greve Geral de 22 de Março. Ea denúncia dos tiques fascistoides da corja neoliberal que nos (des)governa

  11. Já não são só tiques De…já não são só tiques. É o fascismo que ameaça estar aí à porta…se não nos movermos. Até ao Rossio. Daqui pouco.

Os comentários estão fechados.