História do Capitalismo, uns impressionantes 12 minutos

Esta história tem todos os bons ingredientes do «motor da história».

De um lado o Estado: expropriação dos pobres, justiça de classe, Estado como um bando de «homens armados», estigmatização dos trabalhadores como traficantes de droga.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=ig6rtauIn4g

Do outro os trabalhadores: a Resistência

http://www.youtube.com/watch?v=XgPQ1mDSJWA&feature=related

E ainda outro lado, a organização da resistência. Um partido, o PSTU. Esteve sempre no Pinheirinho e desde a primeira hora montou um gigantesco sistema de solidariedade e resistência, deslocou quadros para a defesa (muitos quadros foram baleados com balas de borracha), filmar, fazer abaixos assinados, construir frentes, manifestações, assembleias, ocupações, mobilização dos sindicatos.

http://www.pstu.org.br/principal.asp

E por isso esta história é a história da luta de classes e não a história dos perdedores, ao contrário do que pensa o nosso jornalista do 1º vídeo. Contínua em disputa quem vai perder e quem vai ganhar.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

6 respostas a História do Capitalismo, uns impressionantes 12 minutos

  1. tric diz:

    Qual é a relação do partido comunista chinês com o partido comunista português!!??

  2. Rocha diz:

    É verdade, a direita brasileira é fascista e racista. Tal e qual a sua burguesia asquerosa e tal e qual todas as burguesias latino-americanas, que vão comprar sapatos a Miami e que subornam generais torcionários.

    O PSTU esteve muito bem, mas também estiveram bem o PCB, o PSOL e muitas outras organizações e movimentos populares. Li o comunicado do PSTU, há uma honesta luta e reivindicação pela defesa dos mais elementares direitos da população.

  3. silva diz:

    “Antigamente os cartazes nas ruas, com rostos de criminosos, ofereciam recompensas; hoje em dia, pedem votos”.
    Que justiça quando se apela ao trabalho e vemos lobos com pele de cordeiro a destruir 112 trabalhadores num despedimento colectivo no casino estoril consentido pelos governos, que no fundo só foram substituidos por outros com o mesmo vencimento a empresa é que deixou de ser casino estoril tem que haver justiça……

  4. JgMenos diz:

    Extraordinário! Sem dúvida isto de haver Estado, Tribunais, Polícia, só atrapalha.
    Rédea livre às massas!
    Para dizer isso não precisa mentir. Não ouvi ninguém dizer:”estigmatização dos trabalhadores como traficantes de droga”. O que ouvi dizer foi que o bairro dos trabalhadores estava sob o controlo de traficantes, e li alguns comentários nesse sentido.
    Estamos em campanha? Vale tudo? Não impressiona!

Os comentários estão fechados.