Estado de guerra

Nos EUA parece que o movimento “Occupy” passou para uma fase mais adiantada da luta. A resposta do Senado é passar a permitir detenções por tempo indefinido.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

9 respostas a Estado de guerra

  1. xatoo diz:

    não foi por causa do mov. Occupy que a nova lei foi concebida;
    o Estado de repressão começou há já alguns anos, mais concretamente com Bush e a guerra ao “terrorismo”… mas
    tem vindo a apurar-se que os agentes do FBI são responsáveis pela maioria de complots “terroristas” nos EUA:
    http://www.mediafreedominternational.org/2011/12/05/fbi-agents-responsible-for-majority-of-terrorist-plots-in-the-united-states/?utm_source=mfi&utm_medium=twitter&utm_campaign=mfi

    Na agora agravada forma de repressão social organizada o Pentágono oferece tecnologia militar a todos os departamentos de Policia nos EUA:
    http://poorrichards-blog.blogspot.com/2011/12/pentagon-is-offering-free-military.html

    e o que transparece para o público, lá como cá: regime de Obama não demonstra os mínimos escrúpulos pela Constituição
    http://www.mondialisation.ca/index.php?context=va&aid=28036
    conclusão:
    ou o povo se subleva ou é escravizado!

    • Gentleman diz:

      Nada como um estado socialista. Nesses é que não costuma existir um estado policial, repressão ou supressão de informação…

      • A.Silva diz:

        Lá vem este doberman rosnar uma velha cassete.
        Essa cabecinha não dá para mais pois não?

        • De diz:

          Essa cabecinha dá para mais.
          Mas o mais está no menos
          Ou seja,está ao serviço dos do outro lado da barricada
          (das forças de repressão do imperialismo.)

          ( e como a cabecinha já nem defender os do peito consegue…”entretém-se” com isto, enquanto, como bem diz,vai rosnando.
          À espera de melhores dias

  2. Rui Campos diz:

    Pena os trabalhadores não aderirem.

  3. Carlos diz:

    Engavetem-nos e deitam fora a chave.

  4. Luis diz:

    Why the port of Seattle? Notice the broadcaster never mentions what kind of products comes in through that port.

  5. Santos.se diz:

    Acabei de ver no “Arrastão” o Inside Job, ajuda a perceber talvez porque razão os americanos já estejam noutra fase da luta, assim como os islandeses.
    Já penso á muito que o problema é global, a solução tem que ter uma resposta global.
    O problema não são os ricos, o problemas são os indignos que manietados pelo sistema financeiro e pela maçonaria que nos governam e governam o mundo.
    A comunicação social, está dentro do sistema corrupto, os jornalistas e comentadores que entram pela casa a dentro, são uns vendidos.
    Os indignos em Portugal têm rosto, o parlamento deveria ser cercado de uma forma pacifica, para evitar os “infiltrados” de agitarem a raiva contida. O rosto e nome de todos os vendilhões deveria ser mostrado: presidentes da républica, ministros, tribunal constitucional, banco de portugal… talvez muitos porcos se calassem

Os comentários estão fechados.