Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XX)

Amanhã as avenidas voltam a ser nossas e uma Assembleia Popular regressa às portas da República. Os blocos centrais levaram o mundo à falência e entregaram os direitos aos conselhos de administração dos plutocratas. Se as repúblicas deixaram de ser democráticas, há que voltar a fazer tudo de novo.  São Bento tem mesmo que ser a casa do povo.

Isto é só o início, as ruas são nossas!

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (I)

(Do Cerco à Constituinte à Acampada do Rossio.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (II)

(Sobre o uso da palavra, da proposta e do voto.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (III)

(Do boato à segurança.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (IV)

(Do método de votação e das Assembleias.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (V)

(Os silêncios e as palavras do Rossio.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (VI)

(Da resignação à violência.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (VII)

(Crítica e civilidade.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (VIII)

(O que mudou do 12 de Março para o 15 de Outubro.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (IX)

(Da radicalização aos sindicatos,)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (X)

(O Cartaz.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XI)

(O passa por mim no Rossio do Pedro Guerreiro e como furar a lei da rolha.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XII) [actualizado]

(O que fazer? A Grécia mostra o caminho: OCUPAR! Professores desempregados, no ME, também.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XIII)

(1 de Outubro e chamado aos Sindicatos.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XIV) [actualizado*]

(o relatório do SIS e da PSP e a disseminação do protesto por outras cidades.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XV)

(Manifesto do 15O do Porto – O melhor dos manifestos.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XVI)

(A nossa luta é internacional!)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XVII)

(O 15O chega ao Nevada e a mais de 600 cidades em todo o mundo – Mapa.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XVIII)

(O que fazer? Que caminhos pode abrir a Assembleia Popular? Da dívida às ocupações.)

Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XIX)

(Tic-Tac 15O!)

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , , , . Bookmark the permalink.

13 respostas a Lições do 12 de Março, a pensar nas aulas do 15 de Outubro (XX)

  1. Chalana diz:

    Olha Renato!

    Diferenças à parte , Tu até és um gajo que eu respeito. Mas quando eu vejo toda a a merda que anda à volta da vossa manifestação; quando eu leio estas provocações merdosas de apoiantes da NATO sem o mínimo de argumento senão um ÓDIO CONGÉNITO AO PCP
    http://arrastao.org/2373816.html

    EU QUERO É QUE VOCÊS SE FODAM. e se quiseres,,, censura esta!

    • Renato Teixeira diz:

      Censuro nada. Ainda mais vindos de um tipo que cita blogues do gabinete do relvas.

      Quanto ao dia 15, estamos combinados ou vai dar esse gostinho ao Passos, ao Portas e ao Lavos?

      • Chalana diz:

        Antes citar um blog dum gajo que trabalha com o Relvas do que escrever num, lado a lado, com quem o aconselha.
        Mas Ainda há 2 meses o defendias e agora atiras-lo às feras!
        Mais uma vez: gracias pela confissão!

        • Renato Teixeira diz:

          Eu defendi o seu direito individual e o facto de não estar em contradição. Defendi igualmente que o 5dias não fez qq compromisso com o Relvas. Simples não?

          • Chalana diz:

            Tu é que chamaste o Figueira à conversa… Um pouco feio, mas tu saberás melhor. Aproveita amanhã o megafone que o Passos te ofereceu ontem. Porque amanhã terás direito ao megafone, não é?

          • Renato Teixeira diz:

            Terei, naturalmente. Não haverá serviço de ordem e faço parte de um grupo que quotiza. Eu não chamei o Figueira, chamei o Lavos, naturalmente.

  2. AF diz:

    Amigos, Passos afinal tambem tem a mesma opinião. Ele tb acha k o povo deve sair á rua, e estes cortes, e outras medidas, são apenas um chamamento para não dar bandeira lá no nucleo de criminosos de cor laranja. O homem esforca-se, esforça-se, mas desta vez decidiu fazer uma coisa em grande, e pensou “e k tal se….” Cá está. Acho k não foi mal pensado em termos de marketing para o ms movimentos do dia 15, agora para as vidas das pessoas…. nem me apetece escrever mais. Todos amnhã nas ruas pessoal. Ou será que isto ainda não chega. Agora a seguir ao público(sector de referência), vem o privado, e ai quero ver se vai haver mais alguém a esfregar as mãos de contente. Grécia, vai andando que já vos apanhamos, só um minuto.

  3. Augusto diz:

    Porque será que alguns comentadores que se dizem de “esquerda”, com ligações ao PCP , tentam por todos os meios atacar as manifestações de 15 de Outubro?

    Não poderão ser elas , a primeira grande mobilização de repudio, por tudo o que Passos Coelho anunciou ontem?

    Afinal do que têm medo estes comentadores ligados ao PCP?

    • LAM diz:

      Não têm medo de nada, Augusto. Compreenda também o importantíssimo papel que representam de provar aos mais descontentes que a democracia existe, quanto mais não seja enquadrada por uns pastores de colete amarelo.

  4. Pingback: É para amanhã « APEDE

  5. José Quintas diz:

    Essa ideia (esse cartaz: “ocupar s. bento”), é um disparate, vá lá, meio-disparate, um tiro ao lado do que interessa. Não aprendemos nada de nada no entretanto? Ocupemos a Bolsa, a sede do Banco de Portugal, a sede do B.E.S., do B.C.P., a embaixada ianque, alemã, francesa. Os deputados são apenas lacaios dos filhos da puta que nos roubam a sério.

  6. Pingback: Pela ocupação de Wall Street, ficar, ficar! [actualizado*] | cinco dias

Os comentários estão fechados.