Agradecendo o lirismo de de Deus. Fica para depois o conteúdo, por enquanto vai a forma.

Com ar durão e sacana

fez a posta imperialista

agora, fica letrista

passado o fim-de-semana.

*

Agora, fica letrista

e posta com grande afinco

em versos, fez trinta e cinco

(quer poema que lhe assista).

*

Em versos, fez trinta e cinco

sem estrutura nenhuma

Não domino bem a pluma

mas com poesia não brinco.

*

Não te vou pedir que escrevas como Camões, o galego.

Mas advirto, meu de Deus, és rapsoda sem emprego.

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

4 respostas a Agradecendo o lirismo de de Deus. Fica para depois o conteúdo, por enquanto vai a forma.

  1. Antonio Mira diz:

    Gostei muito do poema, Ricardo. E tem versos em que se nota que houve empenho (falo a sério, são bons). Sobre historiografia e demais falamos nos próximos dias (estou cheio de trabalho hoje). Abraço e parabéns pelo texto.

    Por certo, não para Ricardo que se nota que é leitor costumeiro de versos mas para quem venha para aquí ter, o texto está em formato de soneto shakespeariano (3 quartetos e um dístico) com um cheirinho a lírica galaico-portuguesa (outro dia também temos que falar disso) com o recurso ao leixa-pren (repetição de versos, embora não sejam os de costume nas cantigas de amigo).

  2. Eu sou daqueles que “venho para aqui ter” e tenho de bater palmas por este belo esgalhanço, tanto na forma como no conteúdo. Unidade copular contra a monarquia da armada! 😉

  3. licas diz:

    _________Andam doidos, doidos mesmo,
    _________Os reguilas do costume,
    _________Com as porradas a esmo:
    _________Não vai parar o queixume.

    _________A Polícia é gente bruta,
    _________Que não olha a *despesas*
    _________Quem se meter na luta
    _________Não aventará surpresas. . .

    _________Filhos da puta, cabrões,
    _________Não é coisa que se diga,
    _________(Há outras opiniões
    _________Aí é que está a *espiga* . . .)

    _________Têm firme de aguentar,
    _________Quando eles só instigam?
    _________Quem pode isso suportar?
    _________Não me digam, não me digam. . .

    _________Pois tu não te ficarias,
    _________Sendo polícia de choque,
    _________Para essas tropelias,
    _________Leva-se tudo a reboque.

Os comentários estão fechados.