mas encha-se de justiça o fosso e erga-se a liberdade ao meio 17.0

Artigo 75.º

(Ensino público, particular e cooperativo)

1. O Estado criará uma rede de estabelecimentos públicos de ensino que cubra as necessidades de toda a população.

2. O Estado reconhece e fiscaliza o ensino particular e cooperativo, nos termos da lei.

Constituição da República Portuguesa, Parte I Direitos e deveres fundamentais,

7.ª revisão constitucional, 2005

Sobre Sassmine

evil fingering.
Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , . Bookmark the permalink.

4 respostas a mas encha-se de justiça o fosso e erga-se a liberdade ao meio 17.0

  1. António diz:

    Psstt, quer-me parecer que é cooperativo e não corporativo.

    • Sassmine diz:

      ai, quando li o comentário achei que tinha ensandecido de vez, mas a gralha “só” aparece uma vez, ainda há esperança para as minhas sinapses… eternamente grata, António! (com’équiépossível?!!!)

      • António diz:

        É verdade que há para aí muito ensino corporativo- assim de repente vêm-me logo à ideia aquelas “universidades de verão” do PSD. Mas ainda não têm assento na Constituição :).

Os comentários estão fechados.