amazing grace ou isto entra numa estratégia americana contra o Euro, diz o Marcelo…

aqui.

e eu rio-me. porque isto é dito há anos, por doidos e radicais de esquerda, claro. porque tudo o que os opositores do austeritarismo têm vaticinado se tem concretizado, mas o poder continua na mão dos incompetentes. ideologias à parte, e falando em capitalês, os europeus sempre foram assim burros ou há lugar para uma teoria da conspiração que implique o abuso de junk food e do tom hanks?

e também porque ainda estou à espera que se dê relevância àquela arma de destruição maciça que o Saddam realmente tinha: o anúncio de que ia passar a transaccionar o petróleo em euros no lugar de dólares. no fundo isto funciona como um relógio. hoje, para o funeral do Euro, temos à frente da UE o capacho que serviu o chá nas Lajes. é quase poético.

voltemos ao professor. apetece-me dar-lhe um presente, as epifanias são coisas a celebrar. oh, he once was lost, but now he’s found | was blind but now he sees. or was he?

Sobre Sassmine

evil fingering.
Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

3 respostas a amazing grace ou isto entra numa estratégia americana contra o Euro, diz o Marcelo…

  1. Helena Borges diz:

    Tau, boa chicotada!

    (Só acho que a Mahalia Jackson é mulherão demais para as sardaniscas.)

    • Sassmine diz:

      e tens toda a razão. são as pérolas do costume. mas na realidade, as pérolas são para dar prazer ao tratador, não ao porco. 😉

  2. Muito bem esgalhada. Parece tudo ficção, saída de um documentário série B tipo Zeitgeist. A sociedade do espectáculo não pára de surpreender. A derrocada que está para vir é impossível de imaginar. E sem petróleo negociado em euros!

Os comentários estão fechados.