Prémio Gazeta para Sofia Lorena

Sofia Lorena, que muitos cidadãos de todas as classes sociais de Maputo conheceram durante as reportagens que aí realizou imediatamente a seguir ao 1 de Setembro de 2010, acaba de ser galardoada com o Prémio Gazeta da Imprensa, o mais importante prémio jornalístico português.

Não foi Maputo o motivo do prémio (é pena, para moçambicanos e moçambicanófilos…), mas a sua anterior série de reportagens acerca do Iraque ocupado.

Daqui lhe envio um grande abraço de parabéns!

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

2 respostas a Prémio Gazeta para Sofia Lorena

  1. Morte aos Mercados diz:

    Uma série de reportagens que li uma a uma e tive a franca desilusão de não ler um único parágrafo sobre Fallujah e as consequência macabras da radiação na população daquela cidade iraquiana ou sobre as câmaras de tortura destinada à resistência. Não basta construir boas narrativas para ser-se bom jornalista, é também preciso ter coragem para dizer a verdade quando todos pintam um quadro optimista.

Os comentários estão fechados.