A esquerda que eu mais admiro…..

….. é a do pleno emprego (ah, excepto em 20%).

FORA!

(PS: Por cá, diferentemente, teremos o nosso “espectáculo Kadhafi” – para durar, até…?)

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

5 Responses to A esquerda que eu mais admiro…..

  1. Pedro Lourenço diz:

    O kadafi dos pneus caiu ontem. Não viu as notícias?

  2. Justiniano diz:

    Caríssimo Vidal, este era a tal promessa!! O famoso ponta esquerda, a quem o nosso polivalente ia acompanhar no ataque!! Também é da familia daqueloutro!! Muito elegante, a jogar. Títulos é que nada!! Passou ao lado de uma grande carreira, deslumbrou-se, também!! Terá, talvez, uma pequena página na história do clube!!

    P.S. – Quando é que alguém diz ao outro que, se quer verdadeiramente salvar a Europa, o euro, ou o que quer que seja, desapareça, se deslocalize, se aliste no ISN das Filipinas!

    • Carlos Vidal diz:

      Caro Justiniano, há aquele “político” (é mais pás festas) português muito conhecido, responsável pelo governo de Macau, amigo íntimo do governador Melancia, este que, ao se encontrar em maus lençóis, não teve nenhum gesto de solidariedade do mais velho, do responsável (o que é feio, mas vindo de onde veio não surpreende/surpreendeu – o exilado Mateus da democracia portuguesa conta isto ao milímetro). Há então esse infelizmente omnipresente político português (que há dias disse “não ter medo do FMI”, um bravo do pelotão!), que terá afirmado não vir a passas de uma nota de rodapé na história.
      Ora, estamos certos que esta promessa do jovem sapateiro também não.
      E qual delas virá a ser mais pequena?

Os comentários estão fechados.