Custos de amizade e publicidade mal paga: Tryo do Apocalipse

Rainha, são duas cubas livres, sff

Sobre Nuno Ramos de Almeida

TERÇA | Nuno Ramos de Almeida
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

3 Responses to Custos de amizade e publicidade mal paga: Tryo do Apocalipse

  1. Pedro Penilo diz:

    Muito bom!

  2. Em tempos estive em Cuba (com o meu primo e mais o meu tio) mas a estes conheci-os em España
    Fabulosos.
    «Mamá yo quiero saber de donde son los cantantes…
    qué los encuentrro muy galantes
    con sus trovas fascinantes qué me las quiero aprender….»

    No pís da vascongadas há uma bada fenomenal, nome ‘Erreka’ 3 ou 4 bascos e um cantor cubano que fax uma ‘cover’ disto que é de ir ao chão.

    Entretanto, a versão original é do Miguel Matamoros me do seu trio… É um «son» (google for it…) um ritmo específicamente cubano (ou caribenho)

    Just listen…

    http://www.youtube.com/watch?v=a_yMx22nzZk

    🙂

  3. Rui F diz:

    lolol

    É um belo retrato do Português.
    Está-se absolutamente cagando que o Passos aumente o IVA ou se o FMI está ali no quintal.

Os comentários estão fechados.