in between days—

Como começar? Fazer de conta que não é novo, que sempre cá estive? Engraçado como as coisas se cruzam, é sempre o dilema de se nadar em novos aquários e acabo de sair de uma semana de trabalho intensivo em Montemor-o-novo, numa residência artística com gente que conhecia mal e mal me conhecia a mim. Voltei para casa com um banquinho na mão e um sorriso. Nunca fechar o cruzamento. But for now, maybe I’ll just tune and talk to people and we’ll call it… well it will be like art.

amanda in between days.

Sobre Sassmine

evil fingering.
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

10 respostas a in between days—

  1. Tinha impressão que conhecia ‘esse título’ de algum lado…

    http://www.youtube.com/watch?v=scif2vfg1ug

    Parabéns e boa sorte.

    🙂

  2. Sassmine diz:

    🙂

  3. Morgada de V. diz:

    O importante é ter as quotas do Benfica em dia, mas gostar de Amanda Palmer também não é mau cartão de visita.
    Bem-vinda novamente.
    m.

  4. Sassmine diz:

    obrigada, Morgada. mas eu nestas coisas sempre fui avessa a cartões. tenho uma mãe de criação que trabalha na Luz, serve? 🙂

  5. Rui F diz:

    Montemor-o-Novo é actualmente e provavelmente a capital da Cultura no Distrito de Évora.
    O PS, de tanta incompetência, burrice e até malvadez, matou culturalmente a cidade de Évora e a CDU não deixou o crédito por mãos alheias em Montemor.

    Sassmine se estiveste uma semana em Montemor o Novo – não sei o que fazes ao certo – de certo vais querer regressar.

  6. sobre o eu sempre estar aqui em lugar nenhum….

    pois seres bidimensionais que habitam os blogues viajam no tempo´

    logo sempre ali estiveram mesmo estando tridimensional mente
    noutro lieu

    THE BLOG AS A TIME MACHINE
    UM BLOG É UMA VIAGEM BI-DIMENSIONAL NO TEMPO

    Saturday, 5 March 2011
    NO NEED TO CHANGE-THE PORTUGUESE TIME MACHINES
    Nature never appeals to intelligence until habit and instinct are useless.

    There is no intelligence where there is no change and no need of change.

    DÉARDAOIN, NOLLAIG 30, 2010

    ORÁISTE -THE ORANGE ORDER
    Agus mé á scríobh seo, tá líne fhada oráiste san iarthar ag fógairt go mbeidh lá geal fuar againn amárach, lá New ORDER New Year.

    VEMOS AS CRENÇAS E AS IDEOLOGIAS DO BLOG MUDAR COM O TEMPO QUE PASSA

    VEMOS ESPERANÇAS E MEDOS CRESCEREM OU DESABAREM

    ASSIM COMO ESSAS COISAS VIRTUAIS QUE SÃO OS BLOGUES COM OS SEUS PRINCÍPIOS E FINS

    E OBVIAMENTE TÊM MAIS FINS QUE PRINCÍPIOS

  7. Montemor é do caraças, espero que o Sampaio, o Monte Alentejano, e o liceu e o Luís Miguel da Veiga ainda não se tenham ido embora…. (no meu tempo ainda não havia “residências artísticas” p’ra ninguém, mas creio que sei onde essa fica situada…)

    😉

    P.S.
    E espero que a minha colega de Física (ou seria Matemática ?) e à época também presidente da Câmara, Pê Cê…) ainda esteja nos conformes, ela era de lá, eu é que era o ‘estrangeiro’ ali…

  8. Tiago Mota Saraiva diz:

    Bem-vinda!

Os comentários estão fechados.