Duas novas tascas à esquerda – “Sentidos Distintos” e “Também Jogamos Sapato”

“O pior erro de um marxista é ignorar os avanços da sociedade no plano da comunicação e da tecnologia que, mesmo em épocas recessivas ao nível das forças produtivas, continuam a desenvolver-se na sociedade capitalista. Seria igualmente um erro crasso ignorar o papel da Web nas tarefas revolucionárias do século XXI, que pode ser imenso ao nível da propaganda direccionada para vanguarda, e também ao nível da mobilização mais geral. Basta ler as notícias sobre a importância que o Facebook teve, por exemplo, na mobilização para as recentes manifestações contra Mubarak, no Egipto.”

Tiago Silva no Sentidos Distintos, blogue que conta ainda com Caecilia Fonseca e Daniel Maciel.

Mais recente e com a particularidade de ser apenas constituído por mulheres, vale a pena acompanhar e ver as sapatadas que se esperam fortes do Também Jogamos Sapato. Como qualquer uma das novas tascas está pejada de malta que passou pelas Repúblicas de Coimbra, a qualidade e a irreverência estão asseguradas.

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged , . Bookmark the permalink.

3 respostas a Duas novas tascas à esquerda – “Sentidos Distintos” e “Também Jogamos Sapato”

  1. Tiago Silva diz:

    Atravessando o marasmo acrítico pequeno-burguês que se tornou o movimento estudantil em Coimbra, algumas ovelhas negras teriam de sair de lá 🙂

    • Renato Teixeira diz:

      Essa ladainha do “marasmo acrítico pequeno-burguês” é quase tão velha como a preguiça e serve a algum leninismo para deixar tudo na mesma ou para fazer grandes balanços de coisa nenhuma. N’est-ce pas?

  2. Tiago Silva diz:

    Não sei se percebi a tua crítica. Enquanto militei na UC, acredita que sempre tentei que as coisas não ficassem na mesma. Apanhei quatro anos de refluxo profundíssimo, e foi remar eternamente contra a maré. Talvez daí venha a minha falta de qualquer esperanca no movimento estudantil nos próximos anos. Espero que o movimento prove que estou errado.

Os comentários estão fechados.