A sondagem de Trás-os-Montes e Minho

A Marktest publica hoje uma curiosa sondagem que proporciona o seguinte título à TSF: Cavaco Silva deve ganhar eleições à primeira volta, diz Barómetro. Digo curiosa, pois provoca-me alguma estranheza que uma sondagem que se pretende nacional inquira 42% de eleitores do Norte Interior e Litoral. O que ainda é mais curioso é que a TSF, tratando-se de um barómetro, não se esforça em comparar os valores desta sondagem com a sua anterior. Se o tivessem feito, podiam titular que Cavaco baixa 16.8 pontos percentuais, e que Nobre e Francisco Lopes sobem respectivamente 8,7 pp e 2,6 pp, no contexto em que 41,5% também são eleitores do Norte Interior e Litoral.

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

2 respostas a A sondagem de Trás-os-Montes e Minho

  1. Renato Teixeira diz:

    Afinal parece que o disparate não é como o pintavam, mas estou como o Miguel Madeira quanto à probabilidade de erro relativa ao PCP. Já os outros…
    http://viasfacto.blogspot.com/2011/01/sondagem-da-marktest-mea-culpa.html

  2. Beijokense diz:

    «pois provoca-me alguma estranheza que uma sondagem que se pretende nacional inquira 42% de eleitores do Norte Interior e Litoral»

    Se soubesse que residem aí cerca de 42% dos eleitores do Continente, a estranheza desapareceria?
    http://beijokense.blogspot.com/2011/01/talvez-com-um-desenho.html

Os comentários estão fechados.