“Quando vejo as gentes do futebol na política e da política no futebol, cheira-me sempre a gato”, desabafou um dos sócios mais antigos do Belém, com a cruz de cristo e com o símbolo da Opus ao peito, em conversa de café e sob anonimato.

Esta não é o sócio do Belenenses citado e esta posta é uma tentativa de fazer uma matéria à Paulo Moura sobre o Belenenses.

Consagrado e popular / Essa Cruz que foi o tema; Das conquistas d’além-mar / Hoje como antigamente; Nada temos que temer / Belenenses para a frente

Com a certeza de vencer! 

Ilustrando o nosso emblema / Consagrado e popular; Essa Cruz que foi o tema / Das conquistas d’além-marHoje como antigamente / Nada temos que temer; Belenenses para a frente;

Com a certeza de vencer!

 

Ilustrando o nosso emblema / Consagrado e popular; Essa Cruz que foi o tema / Das conquistas d’além-mar; Hoje como antigamente /Nada temos que temer; Belenenses para a frente / Com a certeza de vencer! 

“Das Salésias ao Restelo” 

Música de Mário Teixeira e a letra de Silva Tavares. 

Andei por aí completamente solto / Andei por aí completamente livre / e tudo o que vos trago, no calor da minha mão, / desponta num sorriso que vem do coração / Andei por aí completamente solto

Andei por aí completamente livre / e tudo o que vos trago, no calor da minha mão, desponta num sorriso que vem do coração  

CORO 

Semear este amor vem tu também / o que eu quero fazer é mais além / é mais denso que um mundo por achar /é mais longe que o sonho de abraçar o mar. / É cantar é saber voar, Completamente solto, completamente livre. / Semear este amor vem tu também / o que eu quero fazer é mais além / é mais denso que um mundo por achar / é mais longe que o sonho de abraçar o mar.

É cantar é saber voar, / Completamente solto, completamente livre. 

CORO 

Semear este amor vem tu também / o que eu quero fazer é mais além / é mais denso que um mundo por achar / é mais longe que o sonho de abraçar o mar. / É cantar é saber voar, / Completamente solto, completamente livre. / Semear este amor vem tu também / o que eu quero fazer é mais além 

é mais denso que um mundo por achar / é mais longe que o sonho de abraçar o mar. / É cantar é saber voar, / Completamente solto, completamente livre. 

Hino Juventude Popular   

Música da Dina e Letra da Rosa Lobato Faria

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

16 respostas a “Quando vejo as gentes do futebol na política e da política no futebol, cheira-me sempre a gato”, desabafou um dos sócios mais antigos do Belém, com a cruz de cristo e com o símbolo da Opus ao peito, em conversa de café e sob anonimato.

  1. antónimo diz:

    “Sob anonimato” e não “Sobre anonimato”

  2. António Paço diz:

    Ide gozar com o Carcavelinhos, que esse ao menos já não existe.

  3. gg diz:

    GRANDE COVILHÃ!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  4. M. Abrantes diz:

    De longe o teu melhor post [não li o texto]. Parabéns.

  5. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Depois da operação em Londres, o Carlos Guedes está muito mais giro, é do corte de cabelo?

  6. Pisca diz:

    Atenção estou por Luanda mas atento ao que dizem do Belém

  7. o da boa-fé diz:

    Tempos houve em que o ícone deste clube era o grande Matateu. Mas digamos que em matéria ‘iconográfica’ o clube salazarista continua bem servido.

  8. É desta que nos ‘metemos’ todos a sócios…
    😀 😀 😀

  9. O sr. Renato não respeita os milhares de homens de esquerda// socialistas/comunistas/socialistas revolucionários que adoram o seu clube “Os Belenenses”. Por outro lado dá vivas aos Salazaristas do Benfica e da Académica que os há, aos milhares.

    • Renato Teixeira diz:

      JMF, já lhe disse e repito. Nem mais uma posta sobre o Belenenses depois de correrem com o rodriginho. Isso e as autocrítica que quiser.

  10. Pedacinho ao lado: Barça, sempre Barça !!!

    Quer o club quer a cidade, quer o povo são infinitamente melhores e mais interessantes que Madrid (e eu quase nasci lá, soy insuspeito…)
    😉
    O ‘ Hozzé Maurinho’, o Ricardo Carvalho, o Pepe e o Cristiano ‘Romário’ que me ‘adisculpem’ à brava.
    😀 😀

Os comentários estão fechados.