Agentes do Regime

Cavaco “força” PS e PSD para acordo no orçamento de Estado. Soares acredita que “haverá bom senso mínimo”. Já sabemos que Alegre não vai comentar mas alguém acredita que o poeta faria diferente?

Afinal, o que os distingue de substancial além da qualidade do verso? O que assegura um que o outro não garanta? Pode falar-se de estabilidade governativa sem falar em qualquer um destes senhores? Sobre que leis efectivamente divergiram e que políticas, nos últimos 36 anos de instabilidade social, não se puseram de acordo?

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

10 Responses to Agentes do Regime

  1. Tiago Silva diz:

    Ainda à bocado ouvi o poeta declamar na Têvê que era necessário um acordo, estabilidade política e essas coisas todas…Falar, falou. Não disse foi nada de novo.

  2. Renato Teixeira diz:

    Bem… parece que afinal Alegre sempre comentou.

    Onde é que andam os tipos que acham que Alegre é meio passo rumo à revolução e passo e meio rumo à salvação nacional?

  3. Abílio Rosa diz:

    Pela mão de Cavaco, estamos a assistir vergonhosamente a uma coligação tipo «união nacional» ou «santa aliança» para imporem de novo mais sacrifícios e mais espoliação sobre os trabalhadores e suas famílias.

    Já ouvimos os ex-PRs (Mário Soares e Jorge Sampaio), o próprio Cavaco, o próprio Manuel Alegre, as aves canoras de ex-ministros e ex-banqueiros (muitos deles responsáveis por este desastre económico e social!), alguns «sindicalistas» amarelos, para além dos comentadores avençados e amestrados, todos eles a pedir aos santos e à Providência Divina para que o Orçamento para 2011 seja aprovado e para que este (des)governo não caia.

    Está à vista de todos a pouca vergonha que querem impingir ao sacrificado povo português, vítima sucessiva de trafulhices, embustes e roubalheiras.

    Ainda vamos ver todas estas «personalidades» (rostos visíveis e palpáveis do desastre nacional) em peregrinação a Fátima no próximo dia 13 de Outubro para pedirem à Virgem que salve o Orçamento e o Inginheiro da Treta.

    PQPs!

  4. koshba diz:

    Bem podem contar com o meu voto.Podem pois….

    Gosto da Nova Politica do P’S’ de a fazer à esquerda ,com o PSD,CDS.Estes gajos não têm vergonha nenhuma.A proposito como vão o dias loureiro,o duarte lima e todos os patifes do inner circle do presidente da Bonita Banana

  5. joaquim d'odemira diz:

    qual é o problema se Sócrates se for embora ?

  6. indiiskii diz:

    Se não gosta do autor de “Cão Como Nós” e o considera igual ao candidato “andróide-cavaco”, então vote em Fernando Nobre que quando fala, funga muito e até gosta de usar uma ridícula palhinha, à campanha presidencial Freitas 86…

  7. Renato Teixeira diz:

    indiiskii, acredite, não temos sempre que escolher o pior de dois mundos. Às vezes a melhor política pode mesmo ser correr por fora. Não é por gosto. É por falta de alternativas.

    joaquim, isso era parte da solução, nunca parte do problema.

    Tiago, este tipo não tem mesmo vergonha. Nem o avanço da candidatura do PCP o deixou com medo da fuga de votos à esquerda. Porque será?

  8. toni diz:

    Alagre e Cavaco é tudo farinha do mesmo saco!

  9. Pingback: cinco dias » Alegre esclarece que faria como Cavaco, Soares e Nobre: “Não há estabilidade social sem estabilidade política”.

Os comentários estão fechados.